segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Perguntas para desconstruir o Adventismo – Parte 1

As perguntas que se seguem, visam a defesa da verdade bíblica, a proteção da Noiva de Cristo, e a salvação de pessoas que foram, ou estão sendo, enganadas pela seita religiosa Adventista do Sétimo Dia (Jd 22,23). Apesar de ser uma religião legítima, institucional, e digna de respeito na sociedade, ela não tem o direito de ser classificada como uma Igreja Cristã – pois suas doutrinas e práticas se afastam de bases fundamentais da Fé Cristã Bíblia, Ortodoxa (Jd 3,4).

Minhas perguntas possuem um pano de fundo com duas facetas – Doutrinária e Histórica, à luz das doutrinas bíblicas defendidas pelos cristãos ortodoxos e protestantes no decorrer dos séculos. Será baseado nessas informações que irei disponibilizar as perguntas, por isso ainda não sei quantas serão. Não será possível suprir plenamente nas perguntas as razões que me levam a fazê-la. Mas farei o possível para acoplar às perguntas, informações que geram as perguntas. Caso tenha dúvidas a respeito dos pressupostos, deixe um comentário, ou se preferir, as informações podem ser localizadas tanto no meu Blog, como em outras fontes apologéticas cristãs, em livros, vídeos ou sites.

Boa leitura, Deus nos fortaleça em Cristo!

***********************

1. O movimento milerita, que marcou o retorno de Jesus para algumas datas, pode ser considerado o sêmen do surgimento da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD). Com base em Mateus 24.36, o que você diria a Guilherme Miller, caso estivesse lá? [Nota: Ellen White escreveu que a passagem de Mateus 24.36 recebia uma explicação razoável, haja vista as datas marcadas para a volta de Cristo. Imagine você estupro hermenêutico que os mileritas faziam na época com esse texto!]

2. Cristo não voltou em nenhuma das datas – mesmo assim você concorda que Miller foi um profeta verdadeiro, usado por Deus para proclamar aquela mensagem, com anjos em seu auxílio interpretativo, conforme escreveu Ellen White? [Nota: alguns apologistas adventistas, na persistente tentativa de desqualificar os críticos, dizem que 'não foi Miller que calculou a data para 22 de outubro de 1844, mas Samuel Snow!' A fraqueza dessa defesa é tão berrante, que ela cabe a Ellen White que nem sequer mencionou o nome de Snow, ou atribuiu a ele qualquer ação. A não ser ter dito apenas “Miller e seus companheiros”. Além disso, a defesa por si mesmo se esbarra em outra defesa adventista, que corretamente diz que "não foram os adventistas do sétimo dia que marcaram essa data, e sim Guilherme Miller!'' Ora, nessa defesa eles também se esquecem de Samuel Snow?!?. No entanto, até essa ultima, não consiste uma defesa plausível, já que é Ellen White que dá a chancela de aprovação a Guilherme Miller, como questionei na pergunta acima.]

3. O Dr. Rodrigo Silva em um programa em conjunto com a Mira da Verdade, disse que não aceitaria o dipensacionalismo, pois o mesmo marcou a volta de Jesus. E não foi esse o caso do movimento millerita?

4. A IASD afirma que ela mesma, é a igreja visível verdadeira, é a igreja remanescente da profecia bíblica. Segundo um teólogo adventista, ela nasceu no dia 23 de outubro de 1844, com a “visão do milharal”, após a grande decepção. Podemos então dizer que a Igreja Visível Verdadeira nasceu no momento de tristeza e decepção dos falsos cálculos da volta de Jesus?

5. O que você acha de Guilherme Miller ter rejeitado a Doutrina do Juízo e a identidade profética de Ellen White?

6. A IASD foi organizada em 1863, tendo a maioria de seus líderes antitrinitarianos. Isto é, muitos deles seriam ‘parcialmente’ o que Ário foi, ou o que as Testemunhas de Jeová são hoje. Então podemos dizer que a IGREJA VISÍVEL VERDADEIRA foi fundada e organizada por hereges antitrinitarianos?! Eles tinham o Testemunho de Jesus...?

7. A erudição adventista hoje diz que: A) Os pioneiros rejeitaram corretamente a doutrina da Trindade Clássica, pois ela é filosófica, e não bíblica. B) Foi Ellen White que conduziu a IASD a compreender a doutrina de Deus corretamente. Porém, George Kinith, um historiador adventista, afirma que os pioneiros não se afiliariam à IASD por causa de sua doutrina atual sobre a ‘trindade’. Então, os pioneiros rejeitariam também da doutrina da Trindade produzida posteriormente pela erudição adventista?

8. Você sabia que os mentores da codificação do pensamento trinitariano adventista foram os teólogos Raoul Dederen e Fernando Canale – nas décadas de 70 e 80? Por isso que na década de 50 os autores do livro Questões Sobre Doutrina disseram que criam na Trindade dos Credos e Confissões Protestantes, sendo que hoje em dia isso não é mais dito?

9. Sendo Ellen White profetisa de Deus, ela ficou em silêncio todo o tempo? Talvez por um período de 40 anos, ou um pouco mais, sem nenhuma correção ou instrução? Aliás, nem posteriormente ela denunciou seus irmãos... ao contrário, sempre os recomendou.

10. O fato de Ellen White ter sido Metodista até idade de 13 anos, é mesmo garantia que ela foi trinitariana (‘em silêncio’) ao lado de seu marido antitrinitariano? Pense bem nisso...

11. A maior tendência de Ellen White a um tipo de trinitarianismo foi após a morte de seu marido. Acha que isso explica o silêncio da profetisa por tantos anos nesse assunto, então ela passou a ser influenciada por outros?

12. Por que a IASD não trata francamente o fato do filho de Ellen White, Guilherme White, ter dito que a sua mãe não cria na no Espírito Santo como uma Pessoa? [Nota: até hoje não encontrei nada sobre a carta de G. White, se houver, me informem, por favor.].

13. Na ânsia de defender a inspiração de Ellen White, e diante dos inegáveis erros em alguns aspectos de seus escritos, acha mesmo cristão e piedoso, dizer que a Bíblia também tem erros, tal como os escritos de Ellen White?

14. Negar a inerrância da Bíblia idêntica a IASD com a Teologia Conservadora Protestante, ou com a Teologia Liberal?

15. Os apologistas da IASD, com justas razões, às vezes, reclamam que a IASD é alvo de caricatura e perversidade, na apresentação de suas doutrinas por parte de críticos e não adventistas. Embora isso seja verdade, em poucos casos, [e em qualquer caso e sobre qualquer assunto, isso ocorre, porém], não é a própria IASD  que possui um livro, Questões Sobre Doutrina, que admitidamente afirma-se em suas notas que houve informações dissimuladas por parte dos adventistas concedidas à Walter Martin?


Continua...

4 comentários:

  1. Perguntas que não aceitam respostas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanto tempo espero o sr se identificar? Então... se identifique, pois seus longos e intermináveis comentários serão liberados... por que esconde sua identidade? Tem algum problema com a justiça? Com a IASD? Quer dizer que eu (e tantos outros) estão expostos para suas objeções, e o sr escondido? Estranho isso... mas, mais uma vez, fica a regra... ;)

      Excluir
    2. deve ser algum apologista da novo tempo disfarçado kkkkkkk!

      Excluir
    3. Pior que não... lá eles estão expostos...
      Além disso, olhe os comentários desse Sr Sei Lá Quem... são longos, ele nunca trata das provas apresentadas, usa de prolixidade argumentativa que visa a justificativa e promoção da seita sob todo e qualquer custo e pretexto... seu perfil - vencer na persistência. Seu conteúdo - nada com coisa nenhuma.

      Excluir