quinta-feira, 21 de abril de 2016

Colossenses 2.9 e as Testemunhas de Jeová

A religião que mais milita contra a doutrina da Trindade e a Divindade de Cristo, é a religião da Torre de Vigia. É incrível como que em quase todos os textos bíblicos que eventualmente e/ou claramente, ensinam e fazem alusão a essas doutrinas, é vertida na tradução da Torre de Vigia de uma maneira que procura enfraquecer ou mesmo rejeitar as doutrinas históricas do cristianismo relativas à doutrina de Deus.

Antes da Tradução do Novo Mundo ser lançada, as Testemunhas de Jeová se viam em um constante problema em seu trabalho. Usavam e reproduziam traduções que tinham o nome de Deus “Jeová” no VT, mas ao mesmo tempo, sofriam com o Novo Testamento, quando esse trazia textos como João 1.1; At 20.28; Rm 9.5; Fl 2.6; Cl 2.9; Hb 1.6,8, entre outros.

“As Testemunhas de Jeová reconhecem a sua dívida para com todas as muitas versões da Bíblia que ela tem usado no estudo da verdade da palavra de Deus. Entretanto, todas essas traduções, mesmo as mais recentes, têm suas falhas. Existem incoerências ou trechos insatisfatórios, que estão contaminados por tradições sectárias ou filosofias mundanas, e, portanto, não estão em plena harmonia com as verdades sagradas de que Jeová registrou em sua Palavra.” (Toda Escritura, p. 324).

No fim da década de 40, resolveram começar o projeto de tradução da Bíblia, finalizando todo o trabalho no início da década de 60. Segundo um livro de história das Testemunhas de Jeová, isso resultou no crescimento numérico:

“Com que resultado? No Brasil,  acima de 11 vezes mais louvadores ativos de jeová; e, em Portugal, 22 vezes mais.” (Proclamadores d Reino, p.612 – na página 613 o livro mostra um gráfico do crescimento em outros países, tudo em decorrência do lançamento da TNM).

Portanto, o lançamento da TNM serviu para os propósitos proselitistas da seita, não porque a Palavra de Deus chegou às mãos das pessoas, mas porque as pessoas passaram a ler as doutrinas das Testemunhas de Jeová, na (suposta) Bíblia.

A Tradução do Novo Mundo passou por algumas revisões, mas em todas elas, a tradução de textos que tratam da divindade de Cristo, permaneceram, como desde o primeiro lançamento. Vejamos o texto de Colossenses 2.9, que é o foco da postagem, em algumas revisões da TNM:

“porque é nêle que mora corporalmente toda a plenitude da qualidade divina.” – Versão de 1961.

“porque é nele que mora corporalmente toda a plenitude da qualidade divina.” - Revisão de 1986.

“porque é nele que toda a plenitude da qualidade divina mora corporalmente.” – Revisão de 2013.

Qual o problema com essa tradução? Vejamos o que outras traduções nos mostram:

“porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” (Almeida Corrigida Fiel).

 “Pois nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” (Novo Testamento, tradução oficial da CNBB).

“Pois em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” (Nova Versão Internacional).

“Pois nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” (Novo Testamento, Ed. Vozes).

“Pois nele habita corporalmente toda a plenitude da Divindade.” (Tradução Brasileira, primeira edição e edição de 2010).

 “É em Cristo, que habita em forma corporal, toda a plenitude da divindade.” (Edição Pastoral).

“porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” (Almeida Revisada).

“Pois somente em Cristo habita corporalmente toda plenitude de Deus.” (King James – Atualizada).

Pelo que podemos notar, a Tradução do Novo Mundo acrescenta a palavra “qualidade”, na tradução – o que não foi feito nas traduções mais respeitadas. Também, os tradutores jeovitas não colocaram a palavra “qualidade” em colchetes, conforme usado nas primeiras versões da TNM em outros textos. A Revisão de 2013 não usa mais os colchetes. Isso, pelo que entendemos, significa que os tradutores assumem que a palavra acrescentada é necessária para a tradução. No caso de Colossenses 2.9, o texto grego literal reza assim:

“porque em ele habita toda a plenitude da divindade corporalmente.” (Novo Testamento Interlinear, grego-português – SBB).

De modo simples e direto, qualquer que seja a interpretação do Corpo Governante das Testemunhas de Jeová, ao acrescentar o termo “qualidade”, ele diluiu a proposta e leitura do autor original, que não disse isso. É verdade que em Cristo também habita toda a qualidade divina – Seus atributos, mas o texto está dizendo mais do que isso.

“O tempo presente indica o estado contínuo e aponta para a realidade presente (Lohse) ... natureza divina, divindade. A palavra difere da expressão “ser divino” em Rm 1.21 porque enfatiza mais a natureza ou essência divina, e não tanto os atributos divinos. Em Jesus não estavam apenas os “atributos” da divindade que, temporariamente, O iluminaram e o exaltaram com esplendor; pelo contrário, Ele mesmo era e é o Deus perfeito e absoluto.” (Chave Linguistica do Novo Testamento Grego, p. 425).

“(Cl 2.9), Paulo está declarando que no Filho habita toda a plenitude, a abundância da deidade absoluta; eles não eram meros raios da glória divina que enfeitavam, iluminando Sua Pesso por um período de tempo e com um esplendor não dEle mesmo. Mas Ele era, e é, o Deus absoluto e perfeito; e o apóstolo Paulo usa o termo theotes para expressar esta Deidade essencial e pessoal do Filho (New Testament Synonims, de Trench, S ii). A palavra theotes indica a essência “divina” da divindade, a personalidade de Deus; a palavra theites, os atributos de Deus, a Sua natureza e propriedades divinas.” (Dicionário Vine, pp. 573,574).

Um site não autorizado de defesa da Tradução do Novo Mundo, pasmem, chega a dizer:

“[...] uma avaliação semântica de theótes revela que a Tradução do Novo Mundo está bem a frente no entendimento etimológico de palavras. Superando até mesmo léxicos bastante conhecidos.”

Fica difícil imaginar qual o arcabouço mental e religioso de alguém que escreve algo assim...

O texto de Colossesnses 2.9, prova além de dúvida, que em Jesus Cristo tem TUDO de Deus. E parece que isso deve ser interpretado, mesmo em sua encarnação, isto é, quando desde quando veio ao mundo por meio da virgem (Comentário Bíblico NVI, p. 2024). Quando O Filho Eterno se revestiu de Humanidade, e abriu mão de Sua glória (Fl 2.5,6), ele voluntariamente deixou toda a obra que devia ser realizada Nele nas mãos do Pai. Percebemos isso em João 17.5. Por ser homem, ele pôde ser tudo que foi, e passou de modo real – fome, tentação, dor, tristeza e morte (Mt 4.1-11). Mas em momento algum, ele deixou de ser o que ele É. Por habitar em Cristo Jesus a plenitude da divindade, é que ele poderia ser adorado, mesmo na terra, e ainda assim, o adorador não incorrer em idolatria (Mt 2.11; 8.2, etc). Por habitar em Cristo Jesus a plenitude da divindade, ele podia dizer tudo que disse a respeito de si mesmo e não blasfemar (Jo 5.23; 10.30). 


Infelizmente, as Testemunhas de Jeová seguem um falso Cristo, um falso deus, baseadas em uma falsa Bíblia, que por fim, resultará em uma falsa salvação. E quando a salvação não é verdadeira, o que se recebe é a perdição. Que o Espírito Santo abra os olhos dessas pessoas (Jo 16.7-15).

83 comentários:

  1. Paulo relaciona a plenitude de Deus atingindo todo o Corpo de Cristo, e isso num contexto em que o seu corpo é composto de outras pessoas que é a congregação. Paulo destaca que a plenitude chega até eles mediante O Cristo, o qual do corpo é a cabeça.

    " Pois nele habita corporalmente " TODA A PLENITUDE" da divindade.E nele " PARTICIPAIS DA PLENITUDE", nele que é a cabeça de todo principado e potestade. " - CNBB.

    Deste modo vemos que não é apenas em Jesus que habita a plenitude , mas também ela habitará nos demais membros do corpo de Jesus, pois como o mesmo sangue que nutre os membros de um corpo e a cabeça deste corpo, assim também a mesma plenitude flui do cabeça até os demais membros do corpo do Cristo. "

    Isso não faz deles Deus ou uma deidade a ser adorada. "

    Paulo está fazendo um contrate entre coisas que são elementares, e as quais de fato não pode trazer nenhuma verdade ou esclarecimento.Ele tinha medo de que alguns dos seus irmãos se deixassem levar por estes tipos de filosofias e conversas belamente construidas. Foi por isso que ele destacou que fora de Jesus , nenhuma verdade pode ser obtida porque nele habita a plenitude , sendo que toda a verdade de Deus flui por meio dele, e a parte dele nenhumas dessas verdades pode ser obtida com sucesso. Verso 8.

    " Que esta plenitude tem que ver com o conhecimento verdadeiro, podemos ver de dois textos; " Possam, juntamente com todos os santos, " COMPREENDER " a largura , o comprimento, a altura e a profundidade, e " CONHECER" o amor de Cristo que " EXCEDE TODO O CONHECIMENTO", para que vocês " SEJAM DE TODA A PLENITUDE DE DEUS. " - Efésios 3;18-19 - NVI

    Westcott e Hort; " Sejam plenos em "TODA" a plenitude de Deus. "

    Junte a isso , outro texto bem conhecido; "Isto significa vida eterna que absorvam " CONHECIMENTO DE TI, O ÚNICO DEUS VERDADEIRO" e daquele que enviastes , Jesus Cristo., " - João 17;3.

    No mesmo livro Paulo revela de forma bem frisada , que esta plenitude que ele exibe por meio de Cristo é um dom ou presente concedido pelo Pai. O Pai achou bom ou aprovou que assim o fosse. De modo que se o " PAI APROVOU", é porque Jesus foi achado digno de receber esta condição a qual até a sua aprovação e concessão por Parte do Pai não possuia.

    " Pois " FOI DO AGRADO DE DEUS", que nele habitasse toda plenitude, " E POR MEIO DELE RECONCILIASSE CONSIGO" todas as coisas , tanto as que estão na terra quanto as que estão no céu, estabelecendo a paz pelo seu sangue derramado na Cruz.' - Colossenses 1;19-20 NVI

    ResponderExcluir
  2. Prezado José Roberto...

    1) Em uma primeiro lugar, uma pergunta: a palavra "qualidade" aparece no texto grego?

    2) Participamos da divindade, tal como Jesus? SR José Roberto, há um erro primário no argumento TJ, tal como há quando tentam diluir João 10.30. O argumento é mais ou menos assim> O Pai e o Filho são um, assim como nós somos um. Enquanto dizer que o Pai e o Filho são UM em um sentido de "unidos no mesmo propósito" seja verdade, a união deles vai além. A Bíblia diz que os discípulos são UM SÓ CORPO, obviamente quando esses mesmo discípulos em seu >>casamento<< é dito que também são UM, a qualificação disso deve ser diferente, não é mesmo?

    3) Alguns de seus argumentos a respeito do Pai, já foram pressupostos na postagem, e devidamente respondidos, segundo a perspectiva Trinitariana, se percebeu...

    "Quando O Filho Eterno se revestiu de Humanidade, e abriu mão de Sua glória (Fl 2.5,6), ele voluntariamente deixou toda a obra que devia ser realizada Nele nas mãos do Pai. Percebemos isso em João 17.5."

    ResponderExcluir
  3. A Divindade é o Pai, de modo que quando se diz que em Jesus a plenitude da divindade habita corporalmente, é uma forma de mostrar que a Divindade que é " INCORPORÉA", mediante Jesus se faz conhecer. " Jesus mesmo destacou a Filipe quando este lhe pediu para mostrar o Pai;

    " Jesus respondeu; " Faz tanto tempo que estou com vocês, Filipe, " E VOCÊ AINDA NÃO ME CONHECE? " QUEM ME VÊ VÊ TAMBÉM O PAI. " Por que é que você diz ; " Mostre-nos o pai. " ( NTLH)

    O que Jesus estava dizendo aqui ? " Será que dizia ele que era o pai ? " Não, isso nem mesmo os Trinitários concebem. Felipe pedia que Jesus lhe explicasse sobre Deus, que Jesus revelasse como era Deus. Felipe não pedia para ver a Trindade, mas pedia para ver o Pai, pois Jesus , já fazia muito tempo que o via, a " tanto tempo. " Felipe sabia que não podia ver a Deus literalmente , por isso queria ajuda de alguém que esteve junto do pai. "

    Ao invés de Jesus dar explicações sobre quem é Deus, como se fosse algo possível de ser explicado em definitivo a um humano, ele simplesmente respondeu a Filipe que se Felipe quisesse mesmo saber como age Deus, bastaria prestar atenção a como Jesus agia , pois o que Jesus fazia era as obras que Deus , o Pai realizava por meio dele . Observe o versículo 10 ;
    " Deus o Pai, não possui corpo , pois um corpo supõe uma composição, dimensão bem como limitação. Todo corpo é composto de partes que o compõe, e sendo corpo, possui dimensões.Ora, tudo que possue dimenssões e é composto não é simples e nem atemporal , pois o espaço e o tempo não pode existir separadamente e a composição não pode existir sem suas partes constituintes, mas Deus é absolutamente simples , o que indica que ele é o que é, sem nenhuma partição.
    Com isso não estamos dizendo que Deus seja uma força ou energia como se não fosse uma personalidade, não se trata disso. Antes, estamos a dizer que Deus vive não como corpo, mas sim de um modo que não podemos compreender. As Escrituras dizem que Deus é espírito , mas isso ela também fala dos anjos. Será que Deus o espírito, é espírito como os anjos o são ? " Não acreditamos nisso, pois ao passo que os anjos são espíritos , estes não possuem em si a existência como essência, pois se assim fosse eles existiriam necessariamente e eternamente. Jamais teriam sido criados ou gerados.

    De modo que tais espíritos diferem do espírito que é Deus, sendo este espírito único e não tem iguais ,e assim, ele não pode e não é espírito como são os demais . Os demais são meros reflexos , imagens ou sombras do espírito chamado de pai ou Deus. Ele é "O" espírito.

    Quando o filho foi gerado , ele recebeu a existência. Esta existência foi dada num corpo espiritual, sendo este corpo mais simples que um corpo humano , mas ainda assim sendo um composto de atributos, existência e essência. Jesus após cumprir a sua missão na terra , tendo morrido, foi ressuscitado por Deus o qual lhe deu um corpo espiritual novamente, este agora possuindo imortalidade. - 1 Pedro 3;18; 1 Corintios 15;53; 2 Corintios 5;16;

    Neste corpo A Divindade " desejou que a sua plenitude fosse manifesta , a fim de que por meio deste, as demais criaturas pudessem igualmente receber da Plenitude.Cada qual porém na capacidade que lhe convêm , sendo que os recipientes recebem a plenitude do emitente segundo as suas capacidades.

    " Pois " FOI DO AGRADO DE DEUS" que nele habitasse toda a plenitude, " E POR MEIO DELE RECONCILIASSE CONSIGO" todas as coisas, tanto as que estão na terra quanto as que estão no céu, estabelecendo a paz pelo seu sangue derramado na cruz. " - Colossenses 1;19-20 ; ( NVI)

    ResponderExcluir
  4. Sr José Roberto, agradeço o esforço, e tb por repetir alguns argumentos que não têm êxito. Mas deixa eu fazer a primeira pergunta novamente, já que não respondeu:

    1) Em primeiro lugar, uma pergunta: a palavra "qualidade" aparece no texto grego?

    ResponderExcluir
  5. Outra coisa Sr José Roberto, no mundo literário citar as fontes das citações é algo ético e não incorre em plágio... a Torre de Vigia geralmente tem o mau hábito de citar algumas autoridades fora de contexto e tb as vezes nem mesmo cita a fonte...

    Assim seria bom colocar o link de onde tirou metade dos argumentos postados nesse último cometário, não acha?

    https://sites.google.com/site/testemunhadeyah/a-trindade/02-escritos-gregos/040---col-2-9---a-plenitude-num-corpo

    ResponderExcluir
  6. Sr.jose roberto querua te fazer uma pergunta se Jesus não e Jeová ,se jesus seia um outro deus como ensina na tnm pois eu creio numa unidade composta jo 10:30 dt.6:4 echad a pergunta e esta Jesus então e um outro deus ,não é ele e um deus falso ou verdadeiro ? Sendo um outro deus.

    ResponderExcluir
  7. Olá a todos

    Boa tarde

    Cada Santa Pessoa da Santíssima Trindade é um Ser Pessoal individual logo são 3 Pessoas todas tendo uma Natureza Divina.

    Luiz

    ResponderExcluir
  8. Os Trinitários gostam de criticar as Testemunhas de Jeová , acusando-as de isolar textos . No entanto é exatamente isso o que o criador do texto acima fez , isolou o texto de Colossenses 2;9 ! Ou seja , uma atitude anti-ética!'

    A Tradução " A Plenitude da Qualidade Divina", é correta e justificavél !'

    O que não é justificavel é introduzir textos espúrios na Tradução da Bíblia para tentar provar uma falsa crença ,como o falso ensino da Trindade!'

    Vejamos o que diz o Prefácio da Tradução João Ferreira de Almeida Revista e Atualizada;"

    " Algumas passagens do Novo Testamento aparecem em colchetes. Essas passagens não se encontram no texto grego adotado pela comissão revisora, mas havia sido incluidas por Almeida." Que textos seriam esses ?
    Temos dois exemplos ; "
    (1) João 7;53 a João 8;11
    (2)1 João 5;7,8 .

    1 João 5;7,8 ; é um texto espúrio introduzido com o objetivo de apoiar a crença falsa da Trindade. No entanto, mesmo após várias atualizações , ainda continuam introduzindo esse texto espúrio ! Por que será ?

    Temos também uma tentativa muito antiga de Adulteração da Palavra de Deus feita por Trinitários !
    Vejamos ;
    Tradução João Ferreira de Almeida Edição Corrigida e Revisada e Fiel Ao Texto Original ( engraçado esta parte).
    1 Timoteo 3;16; " E, Sem dúvida alguma, grande é o mistério da piedade; " DEUS SE MANIFESTOU EM CARNE", foi justificado no espírito, visto dos anjos, pregados aos gentios, crido no mundo, recebido acima na glória. "
    Observem que o texto diz; " DEUS SE MANIFESTOU EM CARNE. "

    Agora vejamos o mesmo texto na Edição João Ferreira de Almeida Revista e Atualizada; "
    "1 Timotéo 3;16; " Evidentemente, grande é o mistério da piedade; " AQUELE QUE FOI MANIFESTADO NA CARNE. "

    Qual a Tradução Correta , a da João Ferreira de Almeida Corrigida Revisada e Fiel ao Texto Original, ou da João Ferreira de Almeida Revista e Atualizada ?

    Ou, seria uma evidência antiga de tentativa feita por trinitários para " ADULTERAR" a palavra de Deus ? "

    ResponderExcluir
  9. Colossenses 2;9; " porque nele habita corporalmente " TODA A PLENITUDE DA DIVINDADE. " - Almeida Atualizada.

    O que é divindade ? "
    Por que Cristo tem divindade ? "

    (A) O que é Divindade ?
    Divindade significa Natureza Divina!'

    As Testemunhas de Jeová acreditam na Divindade ou Natureza divina de Jesus!'

    O fato de Jesus ser Divindade ou ter Natureza Divina não faz de Jesus " ONIPOTENTE". Não devemos confundir as coisas ; " Onipotente é " DIFERENTE" de " Divindade. "

    Por exemplo os Anjos tem Divindade segundo a Bíblia; " Tu o fizestes pouco menos do que " UM DEUS" (ANJOS), e o coroastes de glória e esplendor. " - Salmo 8;5; ( Edição Pastoral).
    Portanto, " UM Deus" ou ser divino , os " ANJOS" tem divindade, os anjos não são " Onipotentes , mas eles tem divindade". Portanto, Divindade não é a mesma coisa de Onipotência. "

    Os Discípulos de Cristo também tem divindade (no céu).
    2 Pedro 1;4; " pelas quais ele nos tem dado as suas preciosas e grandissímas promessas, para que por elas " VOS TORNÉIS PARTICIPANTES DA NATUREZA DIVINA", havendo escapado da corrupção, que pela concupisciência há no mundo. " - Almeida Atualizada.

    A promessa que os discípulos tinham é de que um dia participariam da natureza divina de Deus, ou seja, eles iriam para os céus, e seriam transformados em seres divinos, em seres espirituais , isso é natureza divina. "
    Por que Cristo tem então Divindade ? "
    Colossenses 2;9; " porque nele habita corporalmente, " TODA A PLENITUDE DA DIVINDADE. "
    Veja o diz Colossenses 1;19 ; "PORQUE FOI DO AGRADO DO PAI, que " TODA A PLENITUDE NELE HABITASSE. " - Almeida Corrigida e Fiel.
    Portanto, basicamente Cristo tem divindade " PORQUE DEUS QUIS DAR PARA ELE", " PORQUE DEUS QUIS", Cristo nem sempre teve divindade, ele recebeu do Pai esta Divindade . Em termos simples a Plenitude da Divindade habita em Cristo " PORQUE DEUS QUIS. " Isso não prova que Jesus é Deus, ao contrário , " INVALIDA" a tese de que Jesus seja Deus . "

    ResponderExcluir
  10. Sr José Roberto, parece que está mudando de foco no assunto? Eu te fiz uma pergunta tão simples, e é difícil de responder? Vou repetir a pergunta e depois darei uma breve atenção ao seu último comentário:

    1) Em primeiro lugar uma pergunta: a palavra “qualidade” no texto grego [em Cl 2.9]?

    Quanto ao seu comentário, algumas observações –

    1º) Os trinitários não gostam de criticar as Testemunhas de Jeová, os eruditos bíblicos criticam os tradutores da TNM, não as Testemunhas de Jeová, que afinal de contas, não tem envolvimento algum nesse processo, a não ser receber e propagar as crenças e as mudanças do Corpo Governante (=escrevo fiel).

    2º) Quem fala de introduzir o que não está em NENHUM MSS GREGO é o Corpo Governante, não os trinitários. Afinal qual MSS tem o híbrido nome Jeová no NT? Apenas UMA vez? Imagina 237 vezes... acho que I João 5.7 tem mais base de existir nas traduções que o o nome Jeová no NT, certo?

    3º) O problema tenso aqui é I Jo 5.7. Apesar de ter muita coisa que é desconsiderado no debate, o que é curioso é que os TRINITARIANOS que foram os que mais apontaram a inferência, antes mesmo de surgir o Corpo Governante.

    4º) Não sabemos quem, afinal, (SE FOI MESMO INCLUIDO) incluiu o Comma. João Ferreira de Almeida, não tem culpa nenhuma nisso.

    5º) Quanto a I Tm 3.16, a questão não tão fechada como o é I João 5.7 [98%]. As maiorias dos manuscritos possuem a leitura Deus. Um especialista argumenta:

    “Problema: Uma anomalia gramatical é introduzida. “Grande é o mistério da piedade, quem se manifestou em carne” é pior em grego do que o é em português. “Mistério” é do gênero neutro enquanto “piedade” é feminino, mas “quem” é masculino! e - - - - 1 Timóteo 3:16

    θεος−−A,Cvid,F/Gvid,K,L,P,Ψ,Biz,Lec544

    Deus [se manifestou em carne]

    ος −−ℵ,33,sirpal

    quem [se manifestou em carne]

    ο −−D,lat,sirp,h?,cop?

    que [se manifestou em carne]


    Discussão: Em um esforço para explicar o “quem”, é comumente argumentado que a segunda metade do verso 16 foi uma citação direta de um hino, mas onde está a evidência para esta algação? Sem evidência, a alegação [descaradamente] foge da pergunta por assumir o fato como provado. [Um pronome normalmente exige um antecedente, mas material citado pode prover uma exceção. Assim, 1 Coríntios 2:9 é algumas vezes oferecido como um exemplo: a citação de Isaías começa com um pronome, sem um antecedente gramatical (embora “mistério”, no verso 7, seja presumivelmente o antecedente referencial). No entanto, as palavras de Isaías são formalmente apresentadas como uma citação, “como está escrito,” enquanto o material em 1 Timóteo 3:16 não o é, portanto não há nenhuma analogia válida. Colossenses 1:13 ou 1:15 têm sido sugeridos como analogias para o “quem” em 1 Timóteo 3:16, mesmo alegados como “hinos”, mas não há nenhum apoio objetivo para a reivindicação. O antecedente do pronome relativo em Colossenses 1:15 é “o filho” no verso 13, e o antecedente do pronome relativo no verso 13 é “o pai” no verso 12. Novamente, não há nenhuma analogia válida.]

    Que a passagem tem algumas qualidades poéticas não diz mais do que que ela tem qualidades poéticas. “Quem” é sem sentido [gramatical], de modo que a maioria das versões modernas que seguem o texto da UBS toma aqui ações evasivas. A redação em latim, “o mistério ... que,” pelo menos faz sentido. A verdadeira redação, como atestado por 99% dos MSS gregos, é “Deus.” Nos MSS mais antigos “Deus” foi escrito ΘC, "quem" foi escrito OC, e “que” foi escrito O.

    A diferença entre “Deus” e “quem” é somente de dois traços cruzados, e com uma pena estragada eles poderiam facilmente ser fracos, (ou um copista poderia momentaneamente se distrair e esquecer de adicionar os traços). Assim, a variante “quem” pode ser explicada por um fácil erro transcricional. A variante “que” seria uma solução óbvia para um copista deparado com o “quem” sem sentido. Qualquer que seja a intenção dos editores da UBS, o texto deles mutila esta forte declaração da divindade de Jesus Cristo."

    Fonte: “QUAL O TEXTO ORIGINAL DO NOVO TESTAMENTO” – Dr. Wilbur Norman Pikering

    ResponderExcluir
  11. Sr. Odair Vieira , seu pensamento é infantil e não condiz com as Escrituras !'

    " Seria Jesus um Deus falso ? Visto que na Bíblia só há um Verdadeiro ? " (Isaías 43;10 ).

    Isaías 43;11; diz que apenas Deus é Salvador!
    Então os Juízes Bíblicos que salvaram o povo de Israel das mãos dos Filisteus eram " FALSOS SALVADORES"? ( Juízes 2;16; Juízes 3;9,15; 1 Samuel 10;19 ).

    A Bíblia diz que Jesus é o Filho Único de Deus . ( João 3;16).
    Os anjos são " FALSOS FILHOS DE DEUS" ? ( Jó 1;6; Jó 38;7).

    A Bíblia diz que apenas Deus é Paz. ( Mateus 23;9) Então o seu Pai Sr. Odair Vieira é um falso Pai? "

    Mateus 23;9; - Além disso , não chameis a ninguém na terra de vosso pai, pois " UM SÓ É O VOSSO PAI", o Celestial. "

    A grande questão Sr. Odair Vieira , é que Jeová é Salvador, Pai , ùnico Deus, em grau superlativo!

    Quando a Bíblia diz que o Pai, é o único Deus. ( João 17;3; 1 Corintios 8;5,6). Não impede que outros sejam chamados de Deus, mas significa que ele é Deus num " PANTAMAR SUPERLATIVO " em que " SÓ ELE É. "

    Também é assim com termos como Pai, Salvador, Bom , Santo, Sábio. Outros também são Pais, Salvadores, Bons, santos ou Sábios, mas em sentido diferente , pois , " PAI, BOM, SANTO , SALVADOR , ÚNICO , igual a Jeová não existe !'

    ResponderExcluir
  12. 1 Timotéo 3;16; " AQUELE QUE se manifestou."
    Sobre este texto veja o que diz a Versão Normal Americana ( em inglês);" A palavra Deus, em lugar de " Aquele que", não repousa sobre nenhuma evidência antiga suficiente. "

    Visto que o Sinaítico estava entre os manuscritos mais antigos na língua original , ele ajudou os eruditos a descobrir erros que se haviam introduzidos em manuscritos posteriores. Por exemplo, a referência a Jesus , em 1 Timoteo 3;16; reza no Sínaitico; "

    " Ele foi manifestado em carne. " Em lugar de ele", a maioria dos então conhecidos manuscritos mostravam uma abreviatura para Deus, resultante de uma pequena alteração da palavra grega para "ele". No entanto, " O Sínaitico fora produzido muito antes de qualquer manuscrito grego que rezava "Deus". portanto, revelou que houve uma corrupção posterior do texto, evidentemente introduzida para apoiara a Doutrina da Trindade. "

    Konstantin Von Tischendorf, um dotado Linguísta Alemão contribuiu muito para o entendimento de passagens como 1 Timoteo 3;16; Tischendorf percorreu o Oriente Médio em busca de antigos manuscritos Bíblicos, esperando confirmar além de dúvida o Texto Original da Bíblia. Em 1859, no mesmo ano em que Darwin Publicou A Origem das Espécies", Tischendorf encontrou o que era então a mais antiga cópia completa conhecida das Escrituras Gregas Cristãs num mosteiro ao pé do Monte Sinai . Ela é conhecida como o Códice Sinaítico, e foi provavelmente produzida cerca de 50 anos antes de Jerônimo completar a Vulgata Latina . Embora seja motivo de debate se foi correto ele retirar o Códice do Mosteiro, Tischendorf o publicou , tornando-se assim acéssivel aos eruditos."

    Visto que o Sinaítico estava entre os manuscritos mais antigos na língua original , ele não somente revelou que as Escrituras Gregas havia permanecido essencialmente inalteradas , mas também ajudou aos eruditos a descobrir erros que se haviam introduzidos em manuscritos posteriores.Por exemplo, a referência a Jesus , em 1 Timoteo 3;16;, reza no Sinaítico; "

    "Ele foi manifestado em carne". Em lugar de "ELE" a maioria dos então conhecidos manuscritos mostravam uma abreviatura para " DEUS", resultante de uma pequena alteração da palavra grega para " ELE. "No entanto, o Sínaitico fora produzido muito anos antes de qualquer manuscrito grego que rezava " DEUS. " Portanto, revelou que houve uma " CORRUPÇÃO" posterior do texto, evidentemente " INTRODUZIDA PARA APOIAR A DOUTRINA DA TRINDADE. " (www.codexsinaiticus.org)

    ResponderExcluir
  13. Vejamos como Eruditos Trinitários reconhecem que tal palavra não aparecia nos Mss autógrafos ou originais escritos pelo punho dos cristãos inspirados;

    " Ele apareceu em um corpo . " (NVI)

    "Aquele que foi manifestado na carne. " (ASV)

    " Aquele que foi revelado na carne". (ARA)

    "Ele foi manifestado na carne." (RSV)

    "O que foi manifestado na carne. " (Douey - Rheims).

    " Quem foi manifestado na carne." (NAB)

    " De modo muito claro , os estudiosos estão admitindo que a Tradução Trinitária em que se insere a palavra " DEUS", " NÃO É AUTÊNTICA. "

    (http://www.angelfire.com/space/thegospeltruth/trinity/verses/1Tim3_16.html )

    (http://www.bible-researcher.com/alexandrinus4.html )

    ResponderExcluir
  14. Olá Sr. José Roberto

    Boa noite

    Se Deus Pai é o único Salvador porque o próprio Deus Pai não se fez carne?

    Se Jesus veio em carne para nos salvar então Jesus=Deus.

    Cada Pessoa na Santíssima Trindade tem uma função pois são três santas pessoas individuais uma diferente da outra.

    Um grande abraço

    Luiz

    ResponderExcluir
  15. Sr José Roberto, o problema é que o estudo que te passei acima já questiona o que o sr apresentou, a questão é anterior. De qualquer forma, há boas razões de manter a leitura "Deus", como aparece na NVI brasileira. Te aconselho a estudar a questão debatida novamente a respeito do texto grego - se os mais antigos são a palavra final ou se a maioria tem o texto fiel.

    Mas como eu disse, sua tentativa é despistar o foco do assunto. A postagem trata de Cl 2.9. E como nenhuma tradução respeitada trás "qualidade divina" a TNM , mais uma vez, coloca suas doutrinas na chamada bíblia dos ungidos da Torre, o que resulta na enganação deliberada de que em Cristo habita a PLENITUDE DA **QUALIDADE** DIVINDADE - ele não é 'um deus' em um sentido não superlativo, nele habita tudo de Deus. Um homem comum, como era Adão, ou um anjo criado, não teria essa prerrogativa.

    ResponderExcluir
  16. Sr José Roberto, eu gostaria muito de ter uma conversa pessoal com o sr... uma pena que os donos de sua alma, te proíbem... recentemente tive uma conversa com um TJ - servo da Torre desde 68, e o mesmo me confirmou a expectativas pregadas em torno de 75... ele disse que gostaria de falar da trindade... uma pena que vcs acham que sabem sobre a trindade pelo que o Corpo Governante pinta a vcs... uma pena. Mas a proibição de ler um pouco fora dos portões da Torre serve para a escravidão mental...

    ResponderExcluir
  17. Me parece que o Sr. Já sentiu o peso da verdade Bíblica!'

    O Léxico Grego - Inglês de Parkhurst define théiotes como " Divindade" (página 261) e theotés como " deidade, divindade, de natureza divina. " ( página 264).

    Vejamos alguns exemplos de como alguns Léxicos vertem a palavra grega theóotes ".

    Friberg Lexicon = " como um substantivo abstrato para 9deus) divindade , deidade,Divindade, natureza divina ( Colossenses 2;9)

    UBS Lexicon =deidade, divindade.

    Louw - Nida , Lexicon = " derivativos de deus, 12.1., a natureza ou estado de ser Deus- " deidade, natureza divina ou estado de ser Deus - " deidade natureza divina , ser divino " nele reside toda a plenitude da natureza divina em forma corporéa" Colossenses 2;9.

    Liddell and Scott = ' divindade, natureza divina , Luc.

    Thayers = deitas ; Tertuliano Agostinho ( de 104 ; Dei 7;1) deidade i, e o estado de Ser Deus, divindade; Colossense 2;9; ( Lucian, icar , 9; plutarch , de defect, oorac. 10. página 415 c).

    BDAG = "o estado de ser deus, de caratér / natureza divina , deidade, divindade, usado como abstrato de (Orig. C. Cels 7,25,9) a plenitude da deidade Colossenses 2;9 ; (s. Nassh s.v.).

    Vulgata; = "quia in lpso inhabitat omnis plenitudo divinatitis (divindade) corporaliter.

    Observem , que o léxico grego - inglês de Lidell e Scott em sua 9 edição ( Volume 1. completado em 1940 e reimpresso em 1948 , página 788). define theiotés como ; " natureza divina , divindade, , e cita como exemplo Colossenses 2;9; .

    A Peshita Siríaca e a Vulgata Latina vertem theiotés por " divindade. " Portanto, a base sólida para verter théotes com referência a " QUALIDADE" e não a " PERSONALIDADE". A Tradução Weymouth como também a An American Translation verteram esta passagem por " plenitude da natureza divina. "

    ResponderExcluir
  18. O Mais interessante é que o Senhor tem mudado o foco do assunto citando " Corpo Governante , Torre de Vigia ", etc, etc,

    O mais interessante que até agora foi citado fontes e Traduções da Cristandade , e não a TNM!

    Agora se quiser mudar de assunto e ciar religião, podemos analisar a Igreja Presbiteriana e ver se ela realmente representa a Deus !'

    Quem foi para o Senhor Hostin Zamumbobamba ?

    ResponderExcluir
  19. Olá Sr José Roberto... por certo, já senti a leveza da verdade bíblica. O Senhor disse que o fardo dele é “leve”...

    De onde tirou a ideia que “natureza divina, divindade” “ou deidade”, favorece sua interpretação? É notório como os TJs, guiado pelo CG, acham que natureza divina quer dizer “deus em menor escala”... quem tem natureza humana é humano do mesmo nível e sentido que outro humano, e isso ocorre em tudo – mude suas concepções a respeito.

    O que é sugerido pelo autor inspirado é que a DIVINDADE, toda ela (=plenitude), habita em Cristo. Porém, os tradutores da TNM dilui o texto inserido a palavra “qualidade”. Não adianta adotar explicações que desconsiderem a existência dessa palavra acrescentada, pois os tradutores da TNM sabem muito bem das implicações, por isso, fizeram a deturpação deliberada.

    O tema da postagem é a TNM, por isso, e por causa disso, estou falando dela... até agora vc não pode provar que a versão de Cl 2.9 tem algum apoio linguístico.

    Eu prefiro não mudar de assunto, mas se já desistiu de falar do tema da postagem, podemos conversar sobre Igreja Presbiteriana em outra postagem...

    ResponderExcluir
  20. A questão Sr. é que usa de falácias argumentativas , usando palavras " Como Corpo Governante ', "Sociedade Torre de Vigia", volte a sua atenção para a palavra de Deus , a Bíblia !'

    Se quiser falar sobre a " Igreja Presbiteriana " abra um link ou um artigo e veremos as atrocidades que a Igreja Presbiteriana fez durante a história !'

    Tentar provar que " Cristo é o Deus Todo Poderoso Jeová , usando Colossenses 2;9; significar passar por cima de todo o contexto Bíblico , inclusive dizer que Colossenses 1;19; não é inspirado ou está equivocado, e chamar Deus de Mentiroso !'Significa dizer que os " anjos não são divinos", que os discípulos de Cristo não partilharão desta divindade , ou seja , contradizer todo um contexto Bíblico !'

    Colossenses 1;19; "PORQUE FOI DO AGRADO DO PAI , QUE TODA PLENITUDE NELE HABITASSE. " - Almeida Corrigida e Fiel !'

    É Óbvio que uma pessoa que recebe "plenitude de" ou "está cheia de" algo proveniente de Deus, " NÃO É O PRÓPRIO DEUS" de quem procede tais virtudes ou poderes.Da mesma forma que o " Cristão" " Uma Plenitude Por Meio De" Cristo, não é o próprio Jesus Cristo. Lemos em Colossenses 2;10; "E assim " POSSUÍS UMA PLENITUDE" por meio dele , sendo ele a cabeça de todo governo ou autoridade."

    " Pois "DEUS" lhe sujeitou todas as coisas debaixo dos pés ." Mas, quando diz que " todas as coisas foram sujeitas", é evidente que se " EXCETUA" aquele que lhe sujeitou todas as coisas. ' ( 1 Corintios 15;20-28).

    Estes textos "inspirados não são evidências para os Trinitários . Eles " IGNORAM TEXTOS INSPIRADOS" como o de Colossenses 1;19; " Que diz que " DEUS ACHOU BOM QUE MORASSE NELE TODA A PLENITUDE", ou seja, tal " PLENITUDE É UMA DÁDIVA DE DEUS, O PAI. "

    O que é Divindade? "

    (1) Qualidade de divino
    (2) natureza divina
    (3)Ser divino

    O Dicionário de Webster define divindade da seguinte maneira ;
    " A QUALIDADE OU ESTADO DE SER DIVINO, DEUS, DEUSA. "

    O Mesmo Dicionário define Divino como; '
    " algo de Deus, relacionado a Deus ou procedendo diretamente de Deus, ou um deus. "

    " esta plenitude que é descrita em Colossenses 1;15-18; ' está inteiramente relacionada co a Cruz de Cristo, sua (v.20), morte, (v.22), e ressureição (v.18). Por esta razão " CRENTES" também " POSSUEM ESTA DIVINDADE", esta plenitude neles. " - Vol, 1 p. 740, Zondervan, 1986 - See AT, CBW, NAB (especially 1991, ed).

    ResponderExcluir
  21. Sr José Roberto, bom dia... não estou usando falácia alguma, que aliás, o sr usou “falácia” de uma maneira muito estranha – o mesmo que faz com o termo “divindade” em Cl 2.9. A referencia ao “Corpo Governante e Torre de Vigia” é porque esses são os responsáveis pela Tradução do Novo Mundo. Ou não? Embora nomes possam ser indicados como tradutores, o fato é que tais entidades (mística [CG] e jurídica [Torre de Vigia]) assumem elogios e críticas à TNM.

    Está bem confiante em falar de outra religião em? Como eu disse, existe links sobre a Igreja Presbiteriana do Brasil, nos quais o sr tem toda liberdade de apresentar suas críticas, assim como eu tenho de criticar a instituição a qual pertenço. O problema é, o sr pode criticar a sua? Bem, não vou comentar mais sobre essa sua busca frenética de mudar de assunto aqui.

    Vamos mais uma vez, às suas objeções repetitivas:

    1) Não estou tentando provar nada, os lexicógrafos são unânimes em diferenciar divindade Theotes de Cl 2.9 com Theiotes. Quem provou a divindade de Cristo foi o autor inspirado. Quem tentou dar um ar diferente à Cl 2.9, foi a TNM.

    2) Creio que é bem desonesto da sua parte escrever que meu argumento, é dizer que Cl 1.19 não é inspirado. Mas desonestidade literária é o que é bem como nos livros que o sr lê da Torre, portanto, é uma praxe.

    3) “Colossenses 1;19; "PORQUE FOI DO AGRADO DO PAI , QUE TODA PLENITUDE NELE HABITASSE. " - Almeida Corrigida e Fiel !” Mais uma vez o sr não entende os postulados da doutrina da trindade.

    Deixa eu tentar explicar: O que os trinitarianos creem é que o Filho está sujeito ao Pai, economicamente e voluntariamente, e em sua função messiânica, ele abriu mão de usufruir de seus direitos divinos e confiou ao Pai a aplicação do mesmo em sua Humanidade. Podemos ver isso em Jo 17.5, como citado na postagem, bem como em Mt 28.18.

    4) Há outra confusão em sua cabeça – a respeito do nome DEUS. No NT, Pai, que é o nome de Deus destacado na Nova Aliança, é sinônimo da primeira Pessoa da Trindade. E é comum os autores do NT usar DEUS como sinônimo de PAI. I Co 8.6 nos ilustra esse uso comum.

    5) Sr José Roberto, veja seu desespero. Vc escreveu:

    “O que é Divindade? " (1) Qualidade de divino (2) natureza divina (3)Ser divino” O Dicionário de Webster define divindade da seguinte maneira ;" A QUALIDADE OU ESTADO DE SER DIVINO, DEUS, DEUSA. "O Mesmo Dicionário define Divino como; '" algo de Deus, relacionado a Deus ou procedendo diretamente de Deus, ou um deus. "

    Pergunto: O Dicionário Webster, é dicionário de Grego do NT, ou é?

    Por último, vc citou um comentário que eu preciso ver o contexto todo, pois NÃO me parece, pelo que o sr selecionou, ser alguma prova para QUALIDADE DIVINA como tradução de Cl 2.9.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente assim o fazem para que os seguidores do Corpo Governante e demais pessoas entendam de forma diferente do que esta nos mais de 5.000 ( Cinco mil ) Manuscritos que trazem a mensagem da natureza divina ( 100% = Cem por cento ) PLENA NO CORPO ENCARNADO DE JESUS , quando o texto Sagrado demonstra claramente que Jesus possuía e possui até hoje, uma natureza humana ( 100% ) Cem por cento . Em suma: Ele possuía e possui dupla natureza, divina e humana, sendo que agora ele esta com o corpo glorificado ( Rm.6.9 ). Este termo, que o Corpo Governante , inclui na " Bíblia " das Tjs : QUALIDADE DIVINA , esta acrescentado, pois não harmoniza-se com as mais de 5000 mil cópias existentes. Este acréscimo adultera a mensagem original da Divindade de Jesus. Querem adequar " uma Biblia " aos moldes de suas doutrinas heréticas, sempre cooperando com Satanás que quer roubar a glória do SENHOR JESUS.
      Deus nos guarde. Fiquemos com A Santa Palavra e aceitemos YHWH como Ele de fato na verdade é e sempre será Único Senhor ( Hb. = Echad = Unidade Composta / Plural ). Lembremos, que Ele não é Deus de confusão se Ele fosse Único Absoluto ( Hb. Yashid ), então Ele se revelaria a Moisés desta forma e não como revelou-se ( Hb. Echad ). E Jesus é Um desse centro de consciência ( Gr. Hypóstases ) e que compõe O Único SER YHWH - ( Gr. Ousia ). O Deus Monoteísta com uma Única natureza/ essência .
      Deus ilumine as ovelhas
      Wilton

      Excluir
    2. Poderia me explicar, onde na Biblia fala que "Deus" não é uma pessoa mas sim uma essência? Tenho muitas duvidas sobre a trindade.

      Excluir
  22. Mais um excelente artigo do Ministério Cristão Apologético.
    Sempre trazendo esclarecimento para os sedentos da verdade.
    Deus fala através de Seus dispenseiros. O MCA é um desses dispenseiros.
    Deus te trouxe a este blog, pois queria e determinou em Seus Decretos revelar-te a verdade sobre a Divindade de Jesus plena em seu corpo mortal.

    " Pois nEle habita corporalmente toda plenitude da Divindade . " Cl.2.9

    Tivemos acesso ao texto transliterado do grego e abaixo transcreveremos:

    " Hoti em auto katoikei pan to pleroma tes theotetos somáticos "
    Strong's : 3754;1722;846;2730;3956;3588;4138;3588;2320;4985, respectivamente.

    ( Theotetos ) Divindade ou Deidade forma flexionada ( Theotes ) é o substantivo abstrato derivado de Theos; Só aparece uma vez no Novo Testamento Grego .

    Jesus é Deus ( Unigênito ) Único de mesma natureza ); em toda Sua plenitude pois a Divindade habita ( katoikeo ) plenamente seu corpo , não como hospede, porém como morada permanente, dono da casa, de acordo como o significado de ( katoikeo ) Divindade no Gr. " Theotetos " " Estado de ser Deus ". Se Jesus fosse semelhante a Deus a palavra aplicada pelo apóstolo seria " Theiostes ".
    A expressão toda plenitude seria impossível para um ser criado conter, somente o próprio Deus para ser pleno dEle mesmo .
    Ressaltemos também que a palavra Grega: " somáticos " ( corporalmente ) demonstra que não é por figura ou sombra que a plenitude da Divindade habita de modo permanente em Jesus, mas sim em REALIDADE. Nele habita toda plenitude de Deus. Ele é Deus encarnado. Emanuel ( Deus conosco ) Uma das Hypóstases de uma única substância divina , Grego : " OUSIA ".

    À YHWH toda glória !!!

    Wilton

    ResponderExcluir
  23. luciano, estou divulgando em meu fece as materias aqui expostas.

    ResponderExcluir
  24. luciano, estou divulgando em meu fece as materias aqui expostas.

    ResponderExcluir
  25. O Credo da Trindade é definido da seguinte forma; "O Pai é Deus, O Filho é Deus e O Espírito Santo é Deus; e no, entanto, não são três Deuses, mas três pessoas em um só Deus. As Três pessoas da Deidade são iguais em todos os seus atributos; conhecimento, poder , autoridade e eternidade. Nenhuma é maior nem menor que a outra. São igualmente Onipotentes, igualmente incriadas, igualmente oniscientes. "

    Usam também sinônimos teológicos como; "Triunidade", Deus Trino e Uno ", Deidade Trina e Una", Trindade de Deus", " Deus Tripessoal." São populares as frases " Deus - Filho" e " Deus Espírito - Santo" ( termos que não existem na Bíblia) na teologia católica - ptotestante. "

    Colossenses 2;9; vai exatamente contra a Trindade, contra a definição dela exposta acima.

    Colossenses 2;9; "Porque nele (Jesus)habita corporalmente toda a plenitude da divindade. "

    A Versão da Bíblia na Linguagem de Hoje verte da seguinte forma; "Porque toda a Natureza de Deus vive na própia pessoa de Cristo, na sua humanidade. "

    É evidente que Jesus tem características que o fazem um ser divino , mas nunca como o Deus Todo - Poderoso, pois em Colossenses 1;19; se nos diz que " DEUS ACHOU BOM" que em Cristo morasse a plenitude", ( isto vai contra o ensino da Trindade que diz que são iguais em poder), tal, como achou bom que os apóstolos e discípulos com chamada celestial fossem particípes da " Natureza Divina" ( 2 Pedro 1;4). O fato de que Pedro , Paulo ou os demais apóstolos desfrutem agora de certo grau de divindade não os faz igual a Deus como membros da " Divindade Trina" das Igrejas Tradicionais.

    Por exemplo, todos os humanos são de natureza humana , mas nem todos tem a mesma idade , nem tem o mesmo coeficiente intelectual , nem somos iguais em estatura ou força fisíca.

    O Conceito Trinitário sobre " Divindade" que os trinitários tem , não se apega ao que a Bíblia ensina . O Termo Divindade faz alusão a " algo que pertence a Deus" (imortalidade, poder, sabedoria), e não há uma tríade de pessoas, como creêm erroneamente os protestantes, católicos e os ortodoxos. "

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já sugerimos em outras oportunidades que os amigos que não estudaram o suficiente sobre a Doutrina Bíblica sobre a Trindade , evitassem de comentar sobre o assunto, pois não fica bem fazer comentário sobre algo que não se sabe de fato e de e verdade.
      Os amigos fazem comentários deturpando o conceito Bíblico que é ensinado nos credos apostólicos e que baseiam-se nas Santas Escrituras.
      A Natureza Divina é Uma , porém as Identidades ( Gr. Hypóstases ) são 3 ( Três ). E isto esta em pleno acordo com o que as Escrituras nos ensinam em toda a Escrituras. Para entendermos esta verdade, temos que estudar a Palavra de Deus , meditar com oração e diligência, afim de entendermos esta verdade e AS DEMAIS VERDADES por ela nos ensinada.
      Temos que seguir o excelente conselho da Palavra do Altíssimo, para descobrirmos Sua Boa, Perfeita e agradável vontade, para nós e nossos filhos. ( Sl.1 e Dt.29.29 ).
      a manifestação de Deus no Antigo Testamento é plural. Assim, sou levado a concluir que palavra ehad usada em Dt 6.4 alude a uma unidade na diversidade. Isso é evidenciado pelas seguintes idéias: o uso plural do nome de Deus; a associação do Anjo do Senhor e da Palavra Criadora com o próprio Deus; e o Espírito Criador. Mesmo que a palavra “Trindade” não apareça na Bíblia, o Deus do Antigo Testamento é Trino. A Trindade, portanto, é apresentada no Antigo Testamento, ainda que de forma incompleta.
      Termino com as palavras de John Theodore Murller:

      Não afirmamos que haja no Antigo Testamento a mesma clareza e evidência de testemunhos referentes à Trindade que há em o Novo Testamento; todavia
      asseveramos que tanto se podem como se devem citar do Antigo Testamento alguns testemunhos para exposição da doutrina da Trindade, visto que assim sempre se revelou desde o começo, a fim de que a Igreja de todos os tempos o pudesse conhecer, adorar e bendizer (...) como as três pessoas distintas numa só essência.

      Em Cristo

      Wilton

      Excluir
  26. Romanos 12;1; nos diz que devemos adorar a Deus com a nossa faculdade de racíocinio, ou como diz a Tradução Almeida " Culto racional", ou seja , fazer uso da lógica!"

    Os Trinitários dizem que Cristo era 100% homem e 100% cento Deus quando estava na terra. No entanto, quando é citado Mateus 24;36 ; " Acerca daquele dia e daquela hora , nínguem sabe, nem os anjos do céu, " NEM O FILHO", mas igualmente o Pai. "

    Então, os Trinitários afirmam que Cristo não sabia da hora , porque estava na terra como homem."

    No entanto, como Jesus não lembraria do " dia e da hora ", porque estava como humano , mas lembrava da glória que tinha " junto ao Pai entes de haver mundo, conforme João 17;5 ; ?"

    Qualquer Tradução da Bíblia que temos em mãos , já foram traduzidas do " grego coiné", para o português. Portanto, quando qualquer leitor da Bíblia , encontra um termo ou uma palavra que não entende, " ele não vai procurar em um Dicionário Grego, mas sim em um Dicionário da Língua portuguesa,isso sim é coerente , e lógico!"

    Naturalmente, a única palavra que ele não vai encontrar na Bíblia, para procurar o significado em português é a " PALAVRA TRINDADE. "

    Se Jesus é Deus e também o Espírito Santo , como pode haver subordinação de poderes, se o credo diz que ; "Nenhum é maior ou menor que outro, são igualmente Onipotentes , igualmente incriadas, igualmente oniscientes ? "

    ResponderExcluir
  27. " Nenhuma definição de Léxicos apresentadas apoiam a conclusão de que as palavras "Divindade" e " Deidade" tem necessariamente o significado exclusivo aplicado ao " Ser Supremo". Se usarmos Dicionários do Grego Coiné , não religiosos e não sectários , ou seja fontes seculares, ao invés de Léxicos de determinadas denominações religiosas , veremos que A TNM verteu a passagem de maneira exata , de acordo com o Testemunho do restante da Bíblia , que demonstra claramente a posição subordinada que Cristo exerce diante de Deus. ( Daniel 7;13 ; 1 Corintios 15;27) . O argumento Trinitário pressupondo que Colossenses 2;9; prova que Jesus é Deus, despercebe o entendimento comumente repetido pelos Escritores do Novo Testamento ao usarem as expressões " plenitude de" e " estar alguém" cheio de'. Por exemplo, a pessoa que se tornou " cheia do espírito santo" ( Efésios 5;18) foi muito influenciada por esse espírito , mas ela certamente não se tornou o espírito santo. "

    " Fora do Novo Testamento a palavra (plenitude) ocorre em Inácio em um sentido que é claramente influenciado no Novo Testamento, e aparentemente no significado de plenitude da Divindade, como prosperando e abençoando e residindo (morando) na " IGREJA" ( a congregação" - p. 1, Vol. 4, " A Dictionary of the Bible , James Hasting, ed., Hendrickson Publi. 1988. "

    ResponderExcluir
  28. A postagem nesta página é sobre Cl.2.9. E esta postagem esta comentada com ricas informações da língua , a qual foi escrita. Por que tentar fugir do texto tão rico de informações ? Os leitores que não concordarem devem contestar, dando suas opiniões e mostrando os motivos de suas discordâncias. Já fizemos comentários trazendo mais informações, mais luz, que nos faz concordar com que foi comentado e exposto pelo administrador ou autor da matéria.
    Jesus corporalmente, ou seja em sua carne teve suas limitações, pois possuía a natureza humana e quando assumiu a forma humana, não teve como usurpação ser igual a Deus ( O Pai ).Assumindo a forma de servo e sendo obediente até a morte. Ele possuía a natureza divina , porém não teve como usurpação ser igual ao Pai, apesar de não pecar ou ser blasfemo se assim fizesse, porém veio com uma missão e para realizar a missão a que se propusera teria que abrir mão da prerrogativa divina e assim o fêz. Este fato não tem sido levado em consideração por parte de muitos que não entendem e não sabem discernir, separando a natureza humana e a divina , que existia E EXISTE na pessoa de nosso Senhor Jesus Cristo, mesmo depois de ter ressuscitado dentre os mortos e o tê-lo feito com o corpo , agora glorificado. Ele permanece como homem e com a mesma natureza divina , a qual as teve antes de sua ressurreição. ( Rm.6.9; 1 Tm.2.5; 1Jo.2.1; Lc.24.39-43 ).
    Quanto a onisciência de Jesus, sempre a teve e a tem ( Jo. 21.17 ). Inclusive seria bom lembrar que Ele Jesus tem um nome , que SOMENTE ELE CONHECE. ( Ap.19.12 ).
    A natureza divina de Jesus e a humana sempre esteve presente em sua pessoa, desde que se encarnou, pois antes Ele como Verbo possuía a divina somente e com ela a glória que desfrutava junto com Seu Pai. Jo.17.5 . Precisarei sair neste momento, depois comentaremos mais sobre a pessoa bendita de Jesus , que deve ser HONRADO DA MESMA MANEIRA QUE O PAI É HONRADO, pois as duas HYPOSTASES Identidades compõe a Divindade, adorada no céu, na terra e assim será por toda eternidade. ( Ap.5.11-14 ).

    Que O Espirito Eterno abra o coração das Ovelhas.

    Graça e paz

    Wilton

    ResponderExcluir
  29. " POIS ASSIM COMO O PAI RESSUSCITA E VIVIFICA OS MORTOS, ASSIM TAMBÉM O FILHO VIVIFICA AQUELES A QUEM QUER.
    E O PAI A NINGUÉM JULGA, MAS AO FILHO CONFIOU TODO JULGAMENTO, AFIM DE QUE TODOS HONREM O FILHO DO MODO POR QUE HONRAM O PAI. QUEM NÃO HONRA O FILHO NÃO HONRA O PAI QUE O ENVIOU. " Jo.5.21-23.

    ResponderExcluir
  30. Prezado irmão Wilton, gostaria de parabenizar por seus comentários e esse trecho, em especial: "Já sugerimos em outras oportunidades que os amigos que não estudaram o suficiente sobre a Doutrina Bíblica sobre a Trindade , evitassem de comentar sobre o assunto, pois não fica bem fazer comentário sobre algo que não se sabe de fato e de e verdade.Os amigos fazem comentários deturpando o conceito Bíblico que é ensinado nos credos apostólicos e que baseiam-se nas Santas Escrituras."

    De fato, o sr José Roberto tem um entendimento mais amplo q os demais TJs, mas nas entrelinhas percebemos que ele ainda se enrosca em caricaturas. Outras testemunhas da Torre, é até risível quando questionam o modalismo e/ou unicismo, bem como o triteísmo, e acham que estão refutando a Trindade. Até mesmo o manual de proselistismo da seita, Raciocínio - produzido pelos 'teólogos' da Torre, é medíocre em suas deturpações a respeito da Trindade.

    ResponderExcluir
  31. Sr José Roberto, uma pergunta, para eu entender melhor a sua posição -

    Quando o Arcanjo Miguel se tornou homem, ele deixou de ser arcanjo? Ele não era mais o principal dos anjos, o primeiro criado, instrumento da criação de Deus?

    ResponderExcluir
  32. Medíocre Senhores é acreditar em um Mistério!'

    Segundo o Dicíonario Aulete , Mistério significa; "(1) Tudo o que não se pode explicar ou compreender."

    Observe o que se diz sobre a Trindade ; "O Pai, imcompreensivel, E o Espírito Santo imcompreensivel. " - Credo Atanasiano , descrevendo a trindade ensinada por muitas Igrejas da Cristandade.

    O que é Mistério ? Em termos gerais , mistério é uma verdade impossível de se compreender , ou provar de forma natural. O que é um mistério religioso ? É uma das verdades de Deus na qual somos obrigados a crer , embora não possamos nem compreênde-las , nem prová-la. " Quais são os principais mistérios religiosos? " São os Mistérios da Santissíma Trindade, da Encarnação e da Redenção. " - Abrége de I'exposition de la doctrine chrétienne, 1901. ( Resumo da Exposição da Doutrina Cristã).

    É Senhores , Mistério só no seio da Babilônia a Grande.
    Apocalipse 17;5; " E na sua testa havia escrito um nome, " UM MISTÉRIO"; Babilônia a Grande a mãe das Meretrizes e das coisas repugnantes da terra. "

    Antes do nascimento de Jesus na Terra, anjos tinham aparecido nesse planeta em forma humana , pelo que parece materializando corpos apropriados para a ocasião, daí desmaterializando-os depois de terem concluídos tais tarefas. ( Gênesis 19;1-3) ( Juízes 6;20-22) ( Juízes 13;15-20). Continuaram assim a ser criaturas espirituais , apenas utilizando temporariamente um corpo fisíco. Isto porém, não se deu com a vinda do filho de Deus a terra para se tornar o homem Jesus . João 1;14 ; diz; "Que a Palavra " se tornou carne" e residiu entre nós . Por este motivo ele podia " chamar-se de o filho do Homem. " . - João 1;51 ; João 3;14,15.

    Mateus 8;20 ; chama a Cristo de " Filho do homem. ". Muitas vezes Jesus se referiu a si mesmo como o " Filho do Homem", expressão que aparece umas 80 vezes nos evangelhos. Ela indica que " JESUS ERA COMPLETAMENTE HUMANO", não uma encarnação de Deus. Como é que o filho unigênito de Deus veio a nascer como humano ? Por meio do espírito santo , Jeová transferiu a vida do seu filho para o ventre de Maria, uma virgem Judia , causando assim a concepção. Por isso, Jesus nasceu perfeito sem pecado. - Mateus 1;18 ; Lucas 1;35; João 8;46;

    Jesus Cristo como homem tinha necessidades iguais a qualquer outro humano. Por exemplo, Jesus necessitava de orar ao seu pai; "E ele mesmo se afastou deles , cerca de um tiro de pedra , e dobrou o joelho e começou a "ORAR. " - Lucas 22;41;

    João 11; 41,42; " Jesus levantou então o rosto para o céu e disse; "Pai, eu te agradeço que " ME OUVISTES", deveras eu sabia que sempre " ME OUVES. "

    ResponderExcluir
  33. Continuação;

    Jesus sentia fome , pois era humano; "Depois de ter jejuado por quarenta noites , " ELE TEVE FOME. " - Mateus 4;2;

    Jesus podia ser tentado ou provado; " Jesus foi então conduzido pelo espírito ao ermo, para ser " TENTADO" , pelo Diabo. " - Mateus 4;1;

    No entanto, seu Pai, o Deus Todo - Poderoso Jeová , não pode ser provado ou tentado; "Quando posto a prova , ninguém diga; " Estou sendo provado por Deus; pois por coisas más Deus " NÃO PODE SER PROVADO", nem prova ele a alguém. " - Tiago 1;13;

    Jesus como homem , " Filho do Homem", precisava de fortalecimento; "Apareceu-lhe então um Anjo do céu e o " FORTALECEU". - Lucas 22;43;

    Jesus aprendeu a obediência; "Embora fosse filho, " APRENDEU A OBEDIÊNCIA", pelas coisas que sofreu. ' - Hebreus 5;8;

    Por ter sido obediente , ele foi grandemente enaltecido; " Por esta mesma razão , também " DEUS O ENALTECEU", e " LHE DEU" bondosamente um nome que está acima de todo outro nome. " - Filipenses 2;9;

    Portanto, As Escrituras nos mostram claramente que a atual posição de Jesus não é a mesma de antes de ele vir a Terra;

    João 17;5; " E, agora Pai, glorifica-me ao teu lado , com a glória que eu tive antes de ti, antes do mundo existir. "

    Jesus nesta oração pede ao Pai que seja restaurada a anterior glória celestial dele , quando ele retornasse aos céus por meio da ressurreição. Jesus revelou ser humilde; ele pediu apenas a glória " QUE JÁ TINHA, em sua existência pré - humana como Miguel, o Arcanjo."

    O Ressuscitado Jesus não possui o mesmo status antes de vir a terra . A Bíblia nos mostra que ele está numa posição superior . É dentro desse contexto que o Apóstolo paulo nos apresenta o glorificado Jesus . Hebreus, capítulo 1 , não contraraia a idéia de Jesus ser Miguel; ao contrário reforça ainda mais este ponto ; dentre todos os filhos de Jeová , o Seu Primogênito está acima dos Demais , em virtude da sua atual posição enaltecida nos céus. "

    Para os Senhores se cumpre Hebreus 5;12; " Pois deveras, embora devesséis ser instrutores em vista do tempo, precisais novamente que alguém vos ensine desde o príncipio as coisas elementares das proclamações sagradas de Deus, e vos tornastes tais que precisais de leite, não de alimento sólido.Porque todo aquele que toma leite , " DESCONHECE A PALAVRA DA JUSTIÇA", pois é criancinha.O alimento sólido, porém, é para pessoas maduras, para aqueles que pelo uso têm as suas faculdades perceptivas treinadas para distinguir tanto o certo como o errado. "

    Observe o que diz 2 Pedro 3;16; " No entanto, algumas coisas nelas são difíceis de entender, e essas coisas " OS IGNORANTES E INSTAVÉIS ESTÃO DISTORCENDO", assim como fazem também com o restante das Escrituras , para a sua própria destruição. "

    Quem para o evangélicos é o Arcanjo Miguel, Senhores? "

    ResponderExcluir
  34. Jose, se Jesus não é Deus, sendo que Deus não depende de ninguém. como explicar o fato de que Deus é todo poderoso e dependeu de um ser criado para criar todas as coisa. ele dependeu de uma criatura para criar todas as coisas? Isso não estranho!!

    ResponderExcluir
  35. Jose, se Jesus não é Deus, sendo que Deus não depende de ninguém. como explicar o fato de que Deus é todo poderoso e dependeu de um ser criado para criar todas as coisa. ele dependeu de uma criatura para criar todas as coisas? Isso não estranho!!

    ResponderExcluir
  36. As chamadas R
    Testemunhas de Jeová diz que quem crê na Trindade é politeísta (crê em mais de um Deus), mas nós cremos num único Deus, já eles sim, crêem em mais de um Deus, visto que colocam a Jesus como "um deus". Ora, se Jesus é "um deus", que deus seria Ele, visto que só há um Deus verdadeiro? Elas sim são politeístas, ao dizerem que Jesus seria o arcanjo Miguel, visto que Miguel é apenas um dos primeiros príncipes, ou seja, existem outros iguais a Miguel, e se Jesus fosse Miguel, considerando que Jesus seria um deus, logo, existem outros deuses iguais a Jesus, visto que Miguel é somente um dos primeiro príncipes, então, seria Jesus somente um dos primeiros deuses, e talvez nem tivesse sido o primeiro destes deuses. Com este raciocínio, quem são os politeístas? Que deus seria Jesus? Um ídolo? Sim, porque quando a Bíblia fala de "deus" com “d minúsculo” fala de ídolos, falsos deuses, ou simplesmente títulos que, se olhando o contexto onde é aplicado, vemos se de fato trata-se do Deus verdadeiro ou apenas meramente títulos, se Jesus é um falso deus, ou meramente um título, por que os adeptos dessa religião oferecem homenagem a Jesus? Por eles têm a Jesus como intercessor, salvador, senhor e futuro Rei, se ele é um “deus”? Em quantos deuses crêem essa religião? Ou Jesus é Deus ou não é deus, visto que só há um Deus. Decidam essa religião: Jesus é o Deus verdadeiro, ou é um “deus” no mesmo sentido que satanás o é? Essa mesma religião diz que Tertuliano, um dos pais da Igreja, inventou a doutrina da Trindade. Entretanto, essa forma de argumentar é injusta, tendenciosa e má, pois Tertuliano não inventou a doutrina, ele simplesmente interpretou corretamente o que a Bíblia revela sobre o assunto. Não e pelo simples fato que Newton elucidou a lei da gravidade, que ele e o criador ou o inventor dela. Ela já existia desde que os planetas e corpos celestes existem. Ele simplesmente elucidou e interpretou o fenômeno existente. Da mesma forma, Tertuliano não criou a doutrina da Trindade, ele simplesmente deve ter sido o primeiro a usar o termo Trindade, com o objetivo de dar forma a uma verdade implícita do Gênesis ao Apocalipse.

    ResponderExcluir
  37. Quem é o Arcanjo Miguel, segundo os evangélicos ? "

    ResponderExcluir
  38. Ele é um dos príncipes dos anjos... uma criatura fiel a Deus, que jamais seria adorada por homens e anjos, com seu consentimento...

    ResponderExcluir
  39. Resposta que harmoniza-se com Dn.10.13 " Ele é um dos primeiros príncipes... ", então existem outro de mesma natureza e essência que ele. Arcanjos. Chefes de anjos. Podemos perceber que existem anjos que estão subordinados a ele, assim como Satanás tem anjos caídos , subordinados a ele. ( Ap.12.7 ). Criados pelo Senhor Jesus. ( Cl.2.16-17 ). Os Arcanjos e demais anjos adoram ao Senhor Jesus por ordem do Pai. ( Hb.1.6 ).

    Analisando o parecer sobre Miguel segundo o Apóstolo Pedro e Judas, gostaria que os comentaristas comparasse as palavras que mencionaremos em negrito:

    2 Pedro 2.9-12: " Vemos, portanto, que o Senhor sabe livrar os piedosos da provação e manter em castigo os ímpios para o dia do juízo, especialmente OS QUE SEGUEM OS DESEJOS IMPUROS DA CARNE e DESPREZAM A AUTORIDADE. Insolentes e arrogantes, tais homens não têm medo de DIFAMAR OS SERES CELESTIAIS; CONTUDO, NEM OS ANJOS, embora sendo maiores em força e poder, FAZEM ACUSAÇÔES INJURIOSAS CONTRA AQUELES SERES na presença do Senhor.Mas eles DIFAMAM O QUE DESCONHECEM e sãocomo CRIATURAS IRRACIONAIS, guiadas pelo instinto, nascidas para serem capturadas e destruídas; SERÃO CORROMPIDOS pela sua própria corrupção! "

    Judas 1.8-10;

    " Da mesma forma, estes sonhadores CONTAMINAM SEUS PRÓPRIOS CORPOS, REJEITAM AS AUTORIDADES e DIFAMAM OS SERES CELESTIAIS. CONTUDO, NEM MESMO O ARCANJO MIGUEL, quando estava disputando com o diabo acerca do corpo de Moisés, ousou FAZER ACUSAÇÃO INJURIOSA CONTRA ELE, mas disse: " O Senhor te repreenda ! ". Todavia, esses tais DIFAMAM TUDO O QUE NÃO ENTENDEM; a as coisas que entendem por instinto, como ANIMAIS IRRACIONAIS, nessas mesmas coisas SE CORROMPEM. "

    Veja que Judas e Pedro falam exatamente sobre o mesmíssimo assunto, palavra por palavra, compare:
    2 Pedro 2.9-12; Judas 1.8-10;
    " desprezam a autoridade " "rejeitam as autoridades"
    "difamar os seres celestiais" "difamam os seres celestiais
    "CONTUDO, NEM OS ANJOS""contudo,nem o arjo. Miguel"
    "fazem acusações injuriosas" "fazer acusação injuriosa"
    "contra aqueles seres" "contra ele"
    "difamam o que desconhecem""difamam t. o.q.não entendem
    "criaturas irracionais" "animais irracionais"
    "serão corrompidos" " se corrompem
    Pedro fala sobre a atitude dos ANJOS, no geral, enquanto Judas oferece o exemplo de um anjo específico. Imagine agora Pedro assentado diante de Judas estudando sobre angiologia. e Pedro perguntasse a Judas:-" Cite o nome de um anjo que embora seja maior em força em poder, não faz acusações injuriosas contra aqueles seres. " Qual seria a resposta de Judas?
    Com certeza a resposta não estaria de acordo com o que os Tjs ensinam.
    Mas VOCÊ não vai discordar da CLARA e TRANSPARENTE afirmação do irmão de Jesus, vai?
    CONCLUSÃO:
    O arcanjo Miguel é UM anjo poderoso que não faz acusações injuriosas, Miguel NÃO é o Senhor Jesus!!!
    Em Cristo
    Wilton



    ResponderExcluir
  40. EM TEMPO :


    "arcanjo" em grego significa "anjo mais velho", portanto trata-se de um anjo, de elevada
    hierarquia mas um "anjo".


    Em Cristo

    Wilton

    ResponderExcluir
  41. De fato não há como ter argumentos favoráveis a tais interpretacoes, as quais beram o absurdo.

    ResponderExcluir
  42. Vejamos as próprias fontes protestantes, e o que elas dizem sobre Miguel;

    " Como dissemos antes, Miguel pode significar um anjo; mas eu abraço a opinião daqueles que se referem à pessoa de Cristo , porque ela se adapta melhor ao assunto para representá-lo como estando à frente para a defesa de seu povo eleito. " - João Calvino ( Commentary on Daniel , vol. 2, " Lecture Sixty - five", disponível em ; http://www.ccel.org/ccel/calvin/calcom25.vii.iii.html)

    " Miguel - somente Cristo é o protetor de sua igreja , quando todos os príncipes da Terra desertam ou se opõe a ela . " - John Wesley . ( Comentário sobre Daniel 10;21; dísponível em ; http://wesley.nnu.edu/jonh-wesley/john-wesleys-notes-on-the-bible/notes-on-the-book-of-daniel/#Chapter+X)

    a) O anjo aqui observa duas coisas ; primeiro, que a Igreja estará em grande aflição e problemas na vinda de Cristo , e depois que Deus enviou o seu anjo , para entregá-lo , a quem ele aqui chama Miguel, ou seja , Cristo , que é proclamado pela pregação do evangelho. " ( Comentário Bíblico de Genebra , disponível em ; http://www.ccel.org/g/geneva/notes/ Daniel/12.html )

    ResponderExcluir
  43. Vamos agora juntar as peças :
    - Miguel se levantará . Note-se que Daniel Cap. 11, versículos 3, 21 naqueles que se disse que se levantariam são reis. Da mesma forma , Miguel se levantar" em Daniel 12; 1; é apropriado, porque ele também é um Rei. Daniel 7;13,14; predisse como o Filho do Homem" - Cristo - se tornaria um Rei. "

    - Quando Miguel se levanta " , um tempo de angústia começa . Esse tempo mencionado em Daniel 12;1; é indiscutivelmente , a ' grande tribulação" a que se refere Mateus 24;21;. A linguagem utilizada mostra que só pode haver um único evento . Jesus falou desta grande tribulação em resposta a pergunta dos discípulos ; " Que sinal haverá da tua ( ou seja, de Jesus) vinda e do fim do mundo ? "( Mateus 24;3) Este é um forte indício de que Miguel é Jesus . Quando Miguel se levanta , Cristo vem, e , em seguida , há uma "grande tribulação. "

    - Apocalipse 12;7; refere-se a " Miguel e " SEUS ANJOS". Da mesma forma " o filho do homem enviará " OS SEUS ANJOS". ( Mateus 13;41)O Filho do Homem virá na glória de seu Pai com " OS SEUS ANJOS", ( Mateus 16;27) " ele ( o filho do homem), enviará " OS SEUS ANJOS" ( Mateus 24;31). 2 Tessalonicenses 1;7; nos diz que o Senhor Jesus será revelado do Céu com " SEUS ANJOS PODEROSOS". O fato é que esta expressão ; " SEUS ANJOS", é usada tanto em relação a Miguel , quanto a Cristo, e sugere fortemente que eles são a mesma pessoa;

    Seus anjos, de Miguel ou de Cristo? ".

    - Miguel é o grande príncipe " ( Daniel 12;1) ou o vosso (de Israel) príncipe. " ( Daniel 10;21); também um dos " primeiros princípes". ( Daniel 10;13) O Termo Hebraico "sar, príncipe, é usado profeticamente referindo-se ao Messias em Isaías 9;6,7.

    - Miguel é o príncipe " que se levanta pelos filhos do teu ( de Daniel) povo", ou seja" , Israel.Isto identifica-o com o " príncipe (hebraico; sar) do exército do Senhor", que se encontrou com Josué. ( Josué 5;14). Tanto as Testemunhas de Jeová e comentaristas Bíblicos , evangélicos igualmente concordam que este príncipe de Josué 5;14; era o verbo pré - humano de Deus;

    "O Capitão do Exército (vv. 14,15). Esta notável figura é certamente " O Capitão da Nossa salvação". Sem dúvida , temos aqui uma das manifestações de " CRISTO NO VELHO TESTAMENTO", geralmente com o título , " O ANJO DO SENHOR", aparecendo a começar com Gênesis 16;7; e 21;17; e depois a Abrãao , Moisés, Gideão, Manoá , Davi (?) Elias e a outros santos do V. T." ( Extraído da Obra " A Bíblia Explicada", de S. E McNair , CPAD, edição de 1997, página 84, sobre Josué 5;14).

    ResponderExcluir
  44. Sr José Roberto, todas essas interpretações citadas são equívocos.

    Mas não foi essa pergunta... eu te fiz outra. Ele deixou de ser Miguel, o Arcanjo quando se tornou homem?

    ResponderExcluir
  45. A Sua pergunta já foi respondida ha muito tempo!' ( 1 Pedro 3;15).

    Miguel é mencionado cinco vezes na Bíblia , seguem abaixo as referências. Todas as Citações das Escrituras aqui mencionadas são da Tradução da Bíblia Almeida , Revista e Corrigida;

    Daniel 10;13; "Mas o príncipe do Reino da Pérsia se pôs defronte de mim vinte e um dias , e eis que Miguel , um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me; e eu fiquei ali com os Reis da Pérsia. "

    Daniel 10;21; " Mas eu te declararei o que está escrito na Escritura da Verdade; e ninguém há que se esforce comigo contra aqueles, a não ser Miguel, vosso príncipe. "

    Daniel 12;1; " E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta pelos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia , qual nunca houve, desde que houve nação até aquele tempo ; mas naquele tempo livrar-se- há o teu povo , todo aquele que se achá escrito no livro. "

    Judas 9; ' Mas o Arcanjo Miguel quando contendia com o Diabo , e disputava a respeito do corpo de Moisés , não ousou pronunciar juízo de maldição contra ele; mas disse; " O Senhor te repreenda. "

    Apocalipse 12;7-9; " E houve batalha no céu ; Miguel e seus anjos batalhavam contra o Dragão , e batalhava o Dragão e os seus anjos ; Mas não prevaleceram , nem mais o seu lugar se achou nos céus. E foi precipitado o grande Dragão , a antiga serpente, chamado o diabo e Satanás , que engana todo mundo; ele foi precipitado na Terra, e os seus anjos foram lançados com ele. "

    O que aprendemos destes versículos citados sobre Miguel? "

    (1) Ele é um " dos primeiros príncipes. " ( Hebraico - Sarim)
    (2) Ele ajudou um anjo a ficar contra o " príncipe do reino da pérsia. "
    (3) Ele é referido como " Miguel, vosso príncipe", (o pronome vosso , nesse caso é plural, em hebraico).
    (4) Ele se " levanta pelos filhos do teu povo (de Daniel). "
    (5) Ele se ' levantará pouco antes do grande tempo de angústia. "
    (6) Ele é chamado de "O" Arcanjo."
    (7) Ele ' contendeu com o Diabo. "
    (8) Ele não ousou " pronunciar um juízo de Maldição".
    (9) Ele deixou a Deus " repreender o Diabo. "
    (10) Ele tem seus anjos.
    (11) Ele batalhou contra o Diabo. "
    (12) Ele precipitou (lançou para baixo) o Diabo e os seus anjos do céu. "

    Uma outra referência Bíblica para Arcanjo está em ;

    1 Tessalonicenses 4;16; " Porque o mesmo " Senhor DESCERÁ DO CÉU COM ALARIDO", e com " VOZ DE ARCANJO", e com a " TROMBETA DE DEUS"; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. "

    Esta é a única outra referência a um Arcanjo na Bíblia. "
    Todas estas passagens mostram que Cristo é o Miguel, o Arcanjo."



    ResponderExcluir
  46. O Fato de que Miguel " é um dos primeiros príncipes", ( Daniel 10;13) não descarta ser Cristo em sua existência pré - humana . O fato de haver " príncipes" (plural) implicam que hajam , pelo menos, dois. E o próprio Deus é chamado de o " príncipe dos príncipes" ( Daniel 8;25). Portanto, não há nenhuma razão pela qual os dois "príncipes" não possam ser Deus e Cristo."

    O fato de que Miguel " disputava a respeito do Corpo de Moisés (com o Diabo)", presumivelmente durante a vida de Josué, também indica fortemente que ele era o "príncipe do exército do Senhor'', a que se refere Josué 5;14;

    O fato de que ele não ousou pronunciar " juízo de maldição" contra ele (o Diabo), não prova que Miguel não é Cristo. É verdade que Cristo repreendeu os demônios , mas ele certamente " não pronunciou juízo de maldição contra eles". O termo grego ( blasphemias krisisn) foi traduzido por juízo injurioso". ( Novo Testamento Interlinear Analítico , ed. Cultura Cristã); " proferir juízo de blasfêmia / infligir sentença de infâmia" ( Novo Testamento Interlinear , Waldir Carvalho Luz); " Acusação Injuriosa" ( Nova Versão Internacional); " julgamento contra ele com insultos" ( Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada); " Condenar o Diabo com insultos" ( A Bíblia na Linguagem de Hoje). Miguel recusou-se a rebaixar-se ao nível dos opositores mencionados na carta de Judas ( versículo 8), " homens ímpios que ousaram vituperar as dignidades" ( Almeida Revista e Corrigida), " ou difamam os dignitários superiores" ( NT Interlinear , Waldir Carvalho Luz), que mereciam glória. Na verdade , ele nem sequer recorreu a linguagem grosseira contra o próprio Diabo. '

    ResponderExcluir
  47. A palavra Arcanjo significa " Anjo Principal". A palavra só é usada no singular na Bíblia - em Conexão com Miguel e com Cristo. Isto sugere fortemente que eles são a mesma pessoa. "

    O fato de o Dicíonario de Strong chamar Gabriel de Arcanjo , não quer dizer que realmente o seja, " NEM NO CÉU NEM NO DICIONÁRIO , PORQUE A BÍBLIA NÃO DIZ ISSO> "

    O fato de Daniel 10;13;" em American Translation " e a Tradução de Moffat se usa a expressão " um dos arcanjos" é igualmente irrelevante , porque no hebraico não se diz " ARCANJOS", mas sim um dos príncipes mais importante , ( ou primeiros príncipes).

    Jesus descerá do céu com alarido , e com voz de Arcanjo " ( 1 Tessalonicenses 4;16). SE Jesus não é o Arcanjo nesse evento e ele é superior ao Arcanjo , então porque ele iria realizar este ato como se fosse alguém de escalão inferior ? Por que ele estaria usando a voz de Arcanjo , se ele não fosse um Arcanjo ? "

    De acordo com 1 Tessalonicenses 4;16; " Os mortos serão ressuscitados quando ouvem a voz do Arcanjo. Mas João 5;28 ; afirma que a voz que ouvem é a de Cristo ?
    Estaria a palavra de Deus se contradizendo ? "

    ResponderExcluir
  48. Se Jesus é o arcanjo Miguel porque as escrituras não fala claramente ? Uma vez conversando com uma TJ ele me falou que os nomes dos homens de Deus na Bíblia trazem a abreviação Yah de Yahweh, e que o nome Jesus também tem essa abreviação. Ai perguntei a ele porque se isso for assim, Ele Jesus no céu está com o nome MiguEl e não YESHUA YAHUSHUA?

    ResponderExcluir
  49. Sr. João Maria , o Sr. é evangélico ? '

    Se for, porque as publicações dos evangélicos , inclusive de João Calvino, afirma que Cristo é Miguel ? "

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sr José, o uso impróprio de autores na busca de base de suas crenças, segue o apetite de redação dissimulada da Torre.

      Para os autores evangélicos que assim pensam , e pensam erroneamente, há uma diferença significativa. Os tais entendem que isso seja um titulo a Cristo que é Deus, bem diferente dos TJs que defendem que ele, Miguel, é Jesus.

      Seja preciso em seu apontamento, ok?

      E eu ainda aguardo sua resposta - quando Miguel se tornou homem ele deixou de ser o principal dos anjos? Ele era Miguel feito carne ou deixou essa identidade?

      Excluir
  50. - Um paralelo razoavelmente próximo a ' en fone arkhangelou, "com uma/ a voz de arcanjo", em 1 Tessalonicenses 4;16; é 2 Pedro 2;16;" o mudo jumento , falando com voz humana ". Aqui nós temos ' em fone, " com a / uma voz", juntamente com um genitivo. O Jumento estava falando com uma voz de homem - mas foi o burro que estava falando , não um homem nas proximidades. Da mesma forma , em todos os outros casos em que ' en fone' é usado no NT, a voz em questão pertence sempre ao sujeito da frase, não há alguma tereceira pessoa não especificada. " - Apocalipse 5;12; Apocalipse 14; 7,9; Apocalipse 18;2;

    - Quando a voz do Arcanjo é ouvida , " os que morreram em Cristo ressuscirarão primeiro" ( 1 Tessalonicenses 4;16 ). Mas João 5;28, 29 nos diz; " todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz ( a de Cristo , não há de algum anjo seu) e, sairão. " Ambos os versículos usam a palavra grega , ' fone' - uma vez para a voz do Arcanjo , uma vez para a voz do filho do Homem, seguindo-se então a ressurreição. Uma voz, não duas, é ouvida. Logicamente então, devemos concluir que há uma voz, porque há uma pessoa;

    Quando Apocalipse 12 diz que Miguel e o seus anjos batalhavam contra o diabo e seus anjos e lançou-os fora do céu, esta é uma clara referência a Jesus Cristo.É Cristo , não apenas um anjo , ' que aniquila o que tinha o império da morte', isto é o Diabo. ( Hebreus 2;14).

    " De acordo com o comentário de Matthew Henry ; " As partes - Miguel e seus anjos de um lado, e o dragão e os seus anjos do outro; Cristo, o Grande Anjo da Aliança e seus fiéis seguidores ; e Satanás e todos os seus instrumentos. "

    ResponderExcluir
  51. Isaías 9;6; refere-se a Cristo como " Maravilhoso Conselheiro". Curiosamente a Septuaginta grega refere-se a Cristo nesse texto como ; " megales boules angelos" - Mensageiro , ou anjo do grande conselho. "

    - Os demônios sabem quem vai mandá-los ao abismo . Eles disseram; "Que temos nós contigo , Jesus , Filho de Deus ? " Viestes aqui atormentar-nos antes do tempo? " ( Mateus 8;29). Lucas 8;31; nos diz; " E rogavam-lhe que os não mandassem para o abismo (grego, abyssos)". Em Apocalipse 20;1-3;, João nos diz; " E vi descer do céu um anjo , que tinha a chave do abismo, e uma grande cadeia na sua mão. Ele prendeu o dragão , a antiga serpente , que é o Diabo e Satanás , e amarrou-o por 1000 anos. E lançou-o no abismo (grego, abyssos)". Deste modo , vemos que a Bíblia implica que Cristo é o anjo do Abismo."

    - A objeção de que Cristo não pode ser um anjo , porque Hebreus 1;4; diz que ele foi feito " mais excelente do que os anjos , quando herdou mais excelente nome do que eles " não têm fundamento.Note que " ELE HERDOU", OBTEVE o nome", e não que ele sempre teve.Quando Hebreus Cap. 1 refere-se aos anjos , isso significa os anjos em geral.Não tem necessariamente de implicar que Cristo não pode ser chamado de um anjo. Quando Lucas 21;29; refere-se a figueira,e para todas as árvores", isso não significa que a figueira não seja uma árvore também. Da mesma forma , quando a Bíblia se refere a Cristo e os anjos, não significa que ele não seja um anjo. "

    É interessante notar e lembrar de que a Idéia de que Miguel e Arcanjo são dois dos muitos títulos de Jesus Cristo, era muito popular no meio protestante, os evangélicos atuais deveriam prestar mais atenção aos chamados reformadores. "

    Também é interessante notar e lembrar de que a ideia de que o " Anjo do Senhor" seja uma referência a Jesus Cristo era e ainda é muito popular entre os evangélicos. Ora, historicamente foram feitas várias menções de que este Anjo do Senhor não é nada mais nada menos do que uma menção a Miguel. Então , sendo Cristo o tal " Anjo do Senhor", já está aberto o caminho feito pelos evangélicos para relacioná-lo ao Arcanjo. "

    Percebemos então que , o tempo para o julgamento de execusão contra Satanás será no futuro. Quem fará essa execução será o anjo do abismo e a Bíblia mostra que Jesus será o executor de Satanás. - Gênesis 3;15.

    Quem alega que a " voz do Arcanjo" não é a voz de Jesus , deveria repensar , pois a Bíblia é bem clara ao dizer o seguinte;

    "Não fiquem admirados com isso , pois vem a hora em que todos os que estão nos tumúlos memoriais " OUVIRÃO A VOZ DELE" ( de Jesus) e sairão; " Os que fizeram boas coisas ; para uma ressureição de vida ; e os que praticam coisas ruins , para uma ressureição de julgamento. " - João 5; 28,29 .

    ResponderExcluir
  52. - Um paralelo razoavelmente próximo a ' en fone arkhangelou, "com uma/ a voz de arcanjo", em 1 Tessalonicenses 4;16; é 2 Pedro 2;16;" o mudo jumento , falando com voz humana ". Aqui nós temos ' em fone, " com a / uma voz", juntamente com um genitivo. O Jumento estava falando com uma voz de homem - mas foi o burro que estava falando , não um homem nas proximidades. Da mesma forma , em todos os outros casos em que ' en fone' é usado no NT, a voz em questão pertence sempre ao sujeito da frase, não há alguma tereceira pessoa não especificada. " - Apocalipse 5;12; Apocalipse 14; 7,9; Apocalipse 18;2;

    - Quando a voz do Arcanjo é ouvida , " os que morreram em Cristo ressuscirarão primeiro" ( 1 Tessalonicenses 4;16 ). Mas João 5;28, 29 nos diz; " todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz ( a de Cristo , não há de algum anjo seu) e, sairão. " Ambos os versículos usam a palavra grega , ' fone' - uma vez para a voz do Arcanjo , uma vez para a voz do filho do Homem, seguindo-se então a ressurreição. Uma voz, não duas, é ouvida. Logicamente então, devemos concluir que há uma voz, porque há uma pessoa;

    Quando Apocalipse 12 diz que Miguel e o seus anjos batalhavam contra o diabo e seus anjos e lançou-os fora do céu, esta é uma clara referência a Jesus Cristo.É Cristo , não apenas um anjo , ' que aniquila o que tinha o império da morte', isto é o Diabo. ( Hebreus 2;14).

    " De acordo com o comentário de Matthew Henry ; " As partes - Miguel e seus anjos de um lado, e o dragão e os seus anjos do outro; Cristo, o Grande Anjo da Aliança e seus fiéis seguidores ; e Satanás e todos os seus instrumentos. "

    ResponderExcluir
  53. Paz de Deus a todos. Alguns comentários para trazer mais luz ao texto discutido de Col 2:9. «.. .habita corporalmente...» A primeira dessas duas palavras, no original grego, é «katoikeo», que significa «habitar permanentemente», «estabelecer residência», em contraste com «paroikeo», «residir temporariamente». Trata-se da mesma palavra usada em Col. 1:19, que fala sobre a «plenitude de Deus», que em Cristo habita. Notemos o tempo presente. O Cristo glorificado está em foco.
    «...corporalmente...» No grego temos «somatikos», isto é, «de modo corpóreo», «pertencente ao corpo». Esse uso cria certas dificuldades, pois não devemos imaginar que um corpo literal e físico seja capaz de ser a residência de todas as perfeições da natureza divina, porquanto isso seria uma contradição em termos, já que o espiritual dificilmente se identifica com o que é corporal. O contexto descreve a glória do Cristo atualmente glorificado, em contraste com a posição inferior que os gnósticos lhe atribuíam, como se ele fosse apenas um dentre muitos «aeons». Notemos aqui o tempo presente: toda a plenitude divina «está habitando» em Cristo, pelo que dificilmente está em vista a encarnação. Abaixo expomos as principais interpretações deste versículo:
    1. Alguns estudiosos pensam que a «encarnação» é aqui focalizada. Mas isso é quase impossível, do ponto de vista doutrinário, pois o próprio Paulo, em Fil. 2:7, aludindo à encarnação, via Cristo como esvaziado dos atributos divinos. Ainda que compreendêssemos (e isso corretamente), que isso não indica a «natureza», mas antes, suas manifestações (a manifestação dos atributos divinos), continuaria difícil perceber como, na encarnação, Cristo poderia ser visto como possuidor de toda a plenitude de Deus. De fato, fazia parte do plano divino que, na encarnação, essa «plenitude» fosse despida. Teria sido impossível a Cristo viver entre os homens, se porventura tivesse retido a plenitude de Deus. A encarnação, pois, foi a desistência temporária dessa plenitude, o que, neste texto, significa os «atributos» divinos e sua manifestação, com base na natureza divina.
    2. Alguns pais da igreja pensavam que o termo significa «genuinamente», em oposição a «simbolicamente», sem qualquer alusão ao corpo físico; e isso é um uso legítimo do vocábulo. Em Cristo habita, realmente, a plenitude divina, em contraste com os «aeons», que eram tidos como possuidores de partículas da mesma, embora todos juntos, exibissem tal plenitude.
    3. Essa palavra também indica que, em Cristo, «em um só lugar, totalmente», em um «todo orgânico» (conforme diz Peake, in loc.), habita a plenitude, como que formando um só corpo. Nada de meras partículas da plenitude a habitarem em Cristo, conforme pensavam os gnósticos. As muitas «partículas» dos atributos divinos, pelos gnósticos eram distribuídas entre as «stoicheia», ou ordens de seres angelicais.
    4. Há quem pense que isso alude ao modo atual da existência do Logos divino, em seu «corpo celeste», o qual, naturalmente, não se compõe de matéria, mas é antes uma forma de energia que pertence à natureza espiritual, própria para os lugares celestiais.

    ResponderExcluir
  54. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  55. 5. Também há aqueles que pensam que a alusão ao «corpo» aponta para a igreja. Nesse corpo, ele tem a plenitude de Deus. Mas essa idéia é obviamente falsa, porquanto é a grandeza de Cristo que está em pauta, independentemente de tudo o mais. No versículo seguinte, entretanto, a igreja entra em cena. Então ela é vista como possuidora, igualmente dessa «plenitude de Deus», devido à sua associação com Cristo.
    Antes da encarnação, a plenitude habitava em Cristo, em forma não-corpórea; mas também veio a habitar nele, em «forma corpórea», embora isso não aluda a qualquer coisa física. Diz-se que os crentes estão destinados a habitar na glória, da mesma maneira, cheios de «toda a plenitude de Deus» (ver Efé. 3:19), tal como sucede no caso de Cristo.
    As interpretações de números três e quatro são as mais prováveis; não são contraditórias. Ambas aludem à sua «glorificação», e ambas dizem que a «pleroma» ou plenitude de Deus habita em Cristo. A terceira meramente afirma que o termo «corporalmente» não alude a seu «corpo celeste», mas somente ao fato que se acha «em um único ser», manifestando-se em «um único lugar». Não se acha ela dispersa entre uma sucessão quase interminável de seres sombrios, chamados «aeons». Tudo está localizado em uma única pessoa. Talvez o texto não tencione fazer diferença entre o Cristo preencarnado e o Cristo pós-encarnado. Na qualidade de Verbo eterno, a cada lado da eternidade, ele possui a «plenitude». Somente Cristo, portanto, é objeto digno de nossa adoração. Somente ele é o alvo de nossa busca espiritual.
    Extraído de: O Novo Testamento Interpretado de autoria de R.N. Champlin Ph.D.

    ResponderExcluir
  56. O anjo do Abismo de Apoc. 20:1-3 pode não ser Jesus como o Sr. José Roberto interpreta, e sim ser o mesmo anjo de Apo. 9:1, o anjo que caiu do céu e abriu o abismo, provavelmente com essa mesma chave, a fim de soltar o flagelo temível das forças demoníacas. É de Supor estar em foco o mesmo anjo. Mas dessa vez sua tarefa é infinitamente maior. Ele deve amarrar ao próprio Satanás. Esse emanar das forças satânicas tem paralelo em I Enoque 10:4-6; 54:5,6; Tobias 8:3; Jubileus 23:28 e Testamento de Levi 18:12 onde se lê que os anjos caídos foram amarrados até ao dia do juízo, idéia essa que também se vê em Jud. 6.

    ResponderExcluir
  57. Eu joão maria sou evangélico da denominação Assembleia de Deus.

    ResponderExcluir
  58. Sr, Joao Maria, que bom que se identificou. De qual das 687 denominaçoes das Assembleias de Deus aqui no Brasil? ( Galatas 5;19-21 !"

    ResponderExcluir
  59. Questionamento sobre Miguel, o Arcanjo ;
    Hebreus 2;16; " declara que o Ministério de Cristo não é voltado para o auxílio dos anjos . diz o texto; "Pois é claro que não é a anjos que ele ajuda, mas os descendentes de Abrãao. "

    " Desta forma Jesus não poderia ser o auxiliador do anjo que estava em dificuldades contra o Rei da Pérsia no relato de Daniel 10;13; Nesta passagem lemos as palavras do anjo; "Mas o príncipe do domínio real da Pérsia opôs-se a mim por vinte e um dias , e eis que veio ajudar-me Miguel , um dos mais destacados príncipes ; e eu, da minha parte , permaneci ali ao lado dos Reis da Pérsia. "

    Outros dizem; " Em 1 Tessalonicenses 4;16; diz que o mesmo senhor descerá do céu com grande brado , a voz do arcanjo. " Nesse contexto a voz do arcanjo dá a entender que o arcanjo é que estaria anunciando a vinda de Jesus , e não que o próprio Jesus tem a voz do arcanjo , como mostra na Tradução do Novo Mundo."

    Outro questionamento ; "Daniel 10;13; diz; " Mas o príncipe do Reino da Pérsia me resistiu vinte e um dias , e eis que Miguel , " UM DOS primeiros príncipes , veio ajudar-me , e eu fiquei com os Reis da Pérsia . " Se o Arcanjo Miguel , neste texto é chamado de " UM DOS", então este texto indica , que existe outros arcanjos do mesmo tipo que Miguel. "

    Sr. João Maria , o Senhor concorda com estas argumentações sobre Miguel, o Arcanjo ? "

    ResponderExcluir
  60. Sr. José Roberto ainda não respondeu o questionamento do Paulo Cadi e do Luciano Sena. O amigo acha que é justo ??????
    Deus te ilumine
    Wilton

    ResponderExcluir
  61. Obrigado, irmão Wilton, por lembrar.... Não tenho tido tempo de participar, mas agora em diante terei um pouco mais de tempo. O José Roberto está nos devendo algumas respostas....

    Nós temos que lidar com as causas e não com os efeitos. A causa está lá em João 1:1...."No princípio era o logos (palavra) e o logos (palavra) estava com Deus, e o logos (palavra) era Deus." Este é o princípio Ontológico, ou seja, quando somente havia Deus. No verso 2 diz... "Ele (o logos) estava no princípio (princípio Ontológico, eternidade) com Deus... No verso 3 diz..." Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e "sem ele" (o logos) nada do que foi feito existiria"....Aí neste verso 3 já podemos situar Gênesis 1:2, que não é o princípio Ontológico de João 1:1, mas o princípio da criação material. Aqui em João 1:3 diz que "sem a Palavra (logos) nada poderia existir, não porque Deus optou por usar a Palavra, mas porque a Palavra faz parte de Deus, de sua essência, senão Deus seria mudo!

    Em João 1:14 o Apóstolo nos informa que a Palavra de Deus não é meramente uma expressão vocal (como querem os grupos unitarianos) mas sim, uma pessoa que estava contemplando o Pai.

    Se o José Roberto não sabe responder a pergunta que irei lhe fazer, TODA A SUA ARGUMENTAÇÃO CAI POR TERRA simplesmente porque ele não consegue nos demonstrar como Deus pode ter criado sua própria Palavra, que João claramente identifica como sendo Jesus, antes de sua encarnação➡referência Fp.2:6.

    O Senhor Jesus é identificado como sendo o logos antes de sua encarnação.

    O José Roberto tem de primeiro provar como o logos foi criado, antes de começar a tecer suas argumentações. Senão ele vai ficar "devendo" lá para João 1:1 onde se encontra A CAUSA DO ASSUNTO.

    Então, José Roberto, responda... Como Deus pode criar sua própria Palavra (o logos)?

    Esperando resposta.

    ResponderExcluir
  62. A Identidade de Miguel o Arcanjo.
    (1) A Bíblia descreve Miguel como " O Arcanjo", indicando que somente ele tem essa designação. Assim sendo , há apenas " UM" Arcanjo Miguel. - Judas 9.
    (2) " Arcanjo" significa " Anjo Principal". A Bíblia descreve Miguel como tendo anjos em sujeição a ele . Ela menciona " Miguel" e os ' SEUS" anjos". ( Apocalipse 12;7) Além do Criador Jeová , somente uma pessoa fiel tem anjos em sujeição - " O Senhor Jesus Cristo. "

    Mateus 13;41; "O Filho do Homem enviará os seus anjos , e estes reunirão dentre o seu Reino todas as coisas que causam tropeço e os que fazem o que é contra a lei. "

    Mateus 16;27; "Porque o filho do Homem está destinado a vir na glória de seu pai, com os seus anjos , e então, recompensará a cada um segundo o seu comportamento. "

    Mateus 24;31; "E enviará os seus anjos com grande som de trombeta , e eles ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos , de uma extremidade dos céus até a outra extremidade deles. '

    2 Tessalonicenses 1;7; " mas, a vós, os que sofreis tribulação , alívio junto convosco , por ocasião da revelação do Senhor Jesus desde o céu, com os seus anjos poderosos. '

    1 Pedro 3;22; " Ele está a Direita de Deus , pois foi para o céu; e foram-lhe sujeitos anjos , e autoridades e poderes. "

    Outro ponto importante ; é que a Bíblia associa Jesus ao cargo oficial de Arcanjo;
    1 Tessalonicenses 4;16; " Porque o próprio Senhor descerá do céu com uma chamada dominante , com voz de Arcanjo e com a trombeta de deus, e os que estão mortos em união com Cristo se levantarão primeiro. "

    Vejamos como diversas traduções vertem esta passagem;
    " Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de Arcanjo, e com a Trombeta de deus. " - 1 Tessalonicenses 4;16; (AL)

    " Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido , e com voz de Arcanjo e com a trombeta de Deus. " - ACRF

    " Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado , com voz de Arcanjo e com trombeta de Deus. " - SBB

    " With the voice of the archangel ( com a voz do arcanjo). - ASV; KJ.

    "With archangel's voice (com voz de arcanjo)". - DARBY.

    Contudo , ALA e IBB vertem de modo a dar a entender que a " voz de arcanjo", não é a de Cristo;

    "Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus. ' - IBB

    " Porquanto o Senhor mesmo , dada a sua palavra de ordem , ouvida a voz do arcanjo , e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus. ' - ALA.

    " Qual das duas formas de traduzir está de acordo com o " restante das Escrituras" ? - 2 Pedro 3;16.

    ResponderExcluir
  63. José Roberto, estou esperando a resposta à minha pergunta: COMO DEUS CRIOU A SUA PRÓPRIA PALAVRA (O LOGOS JOÃO 1:1)? O meu comentário está aí acima do seu... Você leu? Sobre a passagem de Colossesnses 2:9 ➡ "Pois nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade".... Devemos ir primeiro ali para Colossesnses 1:19 onde diz...
    "19 Porque aprouve "ao Pai" fazer habitar nele toda a plenitude da divindade."

    Algumas traduções em vez da palavra "Pai", trazem a palavra "Deus", mas nenhuma destas consta no original grego, mas foram acrescentadas obedecendo ao contexto, para dar sentido a passagem.

    Nos versículos anteriores ao 19, lemos..... "15 Ele é a imagem de Deus invisível, o Primogênito de toda a criação.
    16 Nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as criaturas visíveis e as invisíveis. Tronos, dominações, principados, potestades: tudo foi criado por ele e para ele."

    Este aí em cima NÃO É O SENHOR JESUS QUE NASCEU DO VENTRE DE MARIA, MAS O LOGOS QUE CRIOU TODAS AS COISAS. Não se trata do homem Jesus de carne e ossos, mas dá Palavra, do logos através do qual o Pai se expressa como criador.

    Agora vamos ler Hebreus 10:5......."5 Eis por que, AO ENTRAR NO MUNDO, Cristo diz: Não quiseste sacrifício nem oblação, MAS ME FORMAS TE UM CORPO.
    6 Holocaustos e sacrifícios pelo pecado não te agradam.
    7 Então eu disse: Eis que venho {porque é de mim que está escrito no rolo do livro}, venho, ó Deus, para fazer a tua vontade. "

    Então, a plenitude da divindade já habitava no logos (João 1:1-3)......Agora, foi da vontade do Pai que toda a plenitude do logos através do qual ele se expressou para criar todas as coisas (Colossesnses 1:15-18) viesse a habitar no corpo de sua encarnação, que estava sendo formado no ventre de Maria. Por isso que "em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade", porque o logos através do qual todas as coisas foram criadas, revestiu-se da natureza humana sem pecado, ou seja, recebeu um corpo, uma identidade humana. Por isso é que o Senhor Jesus é uma personalidade única e inigualável no qual coexistem as duas naturezas divina do logos e humana, o segundo Adão sem pecado gerado no ventre de uma mulher (Gn. 3:15).

    A passagem de Colossesnses 2:9 reforça a Divindade de Cristo como Deus manifestado na carne.... O Senhor Jesus possui uma única personalidade, resultante da interação das duas naturezas, a do logos, divina, e a humana, sem pecado. Prossegue.....

    ResponderExcluir
  64. 1 Tessalonicenses 4;16;
    Vejamos duas traduções , cada uma vertendo de forma diferente ;

    " Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de Arcanjo , e com a Trombeta de Deus ". - AL

    "Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado , "a voz do arcanjo , ao som da Trombeta de Deus. " - IBB

    A Segunda forma de traduzir abriu margem para alguns arguirem que ' o arcanjo é que estaria anunciando a vinda de Jesus , e não que o próprio Jesus tema a voz do arcanjo. "

    Porém qual tipo de versão está de acordo com a Bíblia como um todo ? "

    Vejamos a Tradução interlinear literal;

    " porque o próprio Senhor com chamada dominante, com voz de arcanjo , e com a trombeta de Deus, descerá do céu. "

    A diferença das duas maneiras de Traduzir consiste na preposição "en" com dativo, a preposição mais comum no " Novo Testamento", que é usada em uma grande variedade de sentidos. "

    " Ela ocorre antes das três expressões ; " chamada dominante", " voz de arcanjo" e a " trombeta de Deus".

    Neste respeito a IBB não mantêm a coerência , pois traduz "en" por "com" na expressão " COM grande brado", mas difere na tradução nas expressões " "A voz do arcanjo" e "AO" som da trombeta de Deus. "

    A ALA perverte inteiramente o texto ao acrescentar palavras ( sem indicar o acréscimo), tais como "dada" a sua", "ouvida" e "ressoada".

    Qual seria o objetivo então de perverter o texto sagrado ? "

    ResponderExcluir
  65. As Testemunhas de Jeová afirmam que Jeová criou o logos (a Palavra de Deus de João 1:1). Eles tem de provar esta mentira.

    NÓS TEMOS QUE LIDAR COM A CAUSA e não com os efeitos. A CAUSA ESTÁ LÁ EM JOÃO 1:1...."No princípio era o logos (palavra) e o logos (palavra) estava com Deus, e o logos (palavra) era Deus." Este é o princípio Ontológico, ou seja, quando somente havia Deus. No verso 2 diz... "Ele (o logos) estava no princípio (princípio Ontológico, eternidade) com Deus... No verso 3 diz..." Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e "sem ele" (o logos) nada do que foi feito existiria"....Aí neste verso 3 já podemos situar Gênesis 1:1, que não é o princípio Ontológico de João 1:1, mas o princípio da criação material. Aqui em João 1:3 diz que "sem a Palavra (logos) nada poderia existir, não porque Deus optou por usar a Palavra como agente, mas porque a Palavra faz parte de Deus, de sua essência, senão Deus não teria como se expressar PORQUE O LOGOS FAZ PARTE DO SER DE DEUS.

    Em João 1:14 o Apóstolo nos informa que a Palavra de Deus não é meramente uma expressão vocal (como querem os grupos unitarianos) mas sim, uma pessoa no sentido de inteligência.


    Se o José Roberto não sabe responder a pergunta que irei lhe fazer, TODA A SUA ARGUMENTAÇÃO CAI POR TERRA simplesmente porque ele não consegue nos demonstrar como Deus pode ter criado sua própria Palavra, que João claramente identifica como sendo Jesus, antes de sua encarnação➡referência Fp.2:6-8.

    O Senhor Jesus é identificado como sendo o logos antes de sua encarnação.

    O José Roberto tem de primeiro provar como o logos foi criado, antes de começar a tecer suas argumentações. Senão ele vai ficar "devendo" lá para João 1:1 onde se encontra A CAUSA DO ASSUNTO.

    Então, José Roberto, responda... Como Deus pode criar sua própria Palavra (o logos)?

    Este assunto de Arcanjo ou não Arcanjo não quer dizer NADA... Poderia ser uma teofania e pronto!

    ESTOU ESPERANDO A RESPOSTA: COMO DEUS PODE TER CRIADO SUA PRÓPRIA PALAVRA DE JOÃO 1:1?

    EU JÁ FIZ ESTA PERGUNTA MILHARES DE VEZES E AINDA ESTOU ESPERANDO A SUA RESPOSTA... SE VOCÊ NÃO RESOLVER ESTE ASSUNTO, COMO UM BOM TESTEMUNHA DE JEOVÁ, SEUS ARGUMENTOS DE NADA VALERÃO PORQUE VOCÊ ESTÁ EVITANDO A CAUSA DO PROBLEMA QUE ENCONTRA-SE EM JOÃO 1:1.

    RESPONDA: COMO DEUS CRIOU A SUA PRÓPRIA PALAVRA? Esperando resposta.

    ResponderExcluir
  66. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  67. Olá Sr José Roberto. O tema proposto foi sobre Colossenses 2:9, onde fala da plenitude da divindade de Jesus e não sobre se Miguel é Jesus. Não quero ofender ninguém, mas um TJ pode entrar num site evangélico e ainda manter dialogo com um ex TJ ? Nunca fui da organização e não tenho nada contra os fieis testemunhas de Jeová. Algumas coisas sobre 1 Tessalonicenses 4:16. "A VOZ". Essas palavras indicam o "arauto" que anunciará o retorno de Cristo, o anúncio sobre esse acontecimento (Jo 1:23 Respondeu ele: Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías.
    ). “ARCANJO”. No judaísmo quando são mencionados arcanjos, Miguel normalmente aparece em primeiro lugar. Geralmente ele é pintado como o principal da hierarquia angelical. Em seu estado encarnado, o Filho de Deus recebeu o ministério de anjos (Mat. 4:11 e Luc. 22:43). também declarou que tinha sob suas ordens dez mil anjos (Mat. 26:53). Em seu estado glorioso, ele é o Senhor de todos os anjos e arcanjos . Na sua segunda vinda, Jesus se utilizará dos anjos, juntamente com um ou mais dos arcanjos. Na presente passagem, o arcanjo é retratado como o arauto da vinda de Jesus Cristo, aquele que lhe prepara o caminho.

    ResponderExcluir
  68. Vejamos a questão da Tradução;

    "Mas, não poderia haver uma Tradução que , ao invés de a preposição "com" ( indicando que os atos são feitos por Cristo , usasse coerentemente uma Tradução de "en" que indicasse que os atos de Cristo no texto não são de Cristo ? " Vejamos a seguinte tradução;

    "Porque o próprio Senhor Descerá do céu a chamada dominante , 'a voz de arcanjo e a trombeta de Deus, e os que estão mortos em união com Cristo se levantarão primeiro. "

    Teria coerência doutrinal esta tradução ? Ela daria a entender que Cristo age quando recebe uma chamada " dominante", quando chamado pela " voz de arcanjo" e " pela trombeta de Deus. "

    Contudo, vale ressaltar que o contexto diz a respeito da ressurreição de cristãos com esperança celestial.Portanto, está falando " DA AÇÃO DE CRISTO" em tal atividade. Cristo é que faz tal chamada dominante para os adormecidos na morte, e é ele quem " TOCA A TROMBETA DE DEUS", para figurativamente acordar tais mortos. "

    É nesse contexto que Paulo , em outra de suas cartas , usa a palavra " trombeta. "

    " Eis que eu vos digo um segredo sagrado ; " Nem todos adormeceremos na morte , mas todos seremos mudados , num momento, num piscar de olhos , durante a última trombeta. Pois a trombeta soará , e os mortos serão levantados incorruptivpéis , e nós seremos mudados. " - 1 Corintios 15;51,52.

    Portanto, a figurativa trombeta é usada para chamar os mortos á vida, e " NÃO" Cristo a alguma atividade.

    Assim, fica teologicamente imprópria a tradução que afirma que " Cristo" age " ao som da trombeta de deus" e " ressoada a trombeta de Deus. "

    " Visto que Cristo é que faz a chamada dominante ", que usa a figurativa trombeta de Deus", então é "ELE" quem usa a voz de Arcanjo. A Voz de Arcanjo é relacionada com o poder de ressuscitar. "

    E, assim sendo, somente o arcanjo poderia "chamar" com "voz de arcanjo. " Se alguém imitar uma voz que não seja a dele , seria considerado um impostor. Se alguém exercer autoridade que não lhe cabe , seria um usurpador. Logo, o Senhor Jesus Cristo , que descerá do céu com voz de arcanjo , não pode ser outro se não o próprio arcanjo. E, como o único arcanjo é Miguel, a Bíblia indentifica claramente Jesus como sendo Miguel, o Arcanjo. "

    Uma pergunta ao Senhor João Maria, os " Anjos são divinos ? (Salmo 8;5 ). Se eles são divinos, são ONIPOTENTES ? "

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Sr. José Roberto. Eu o agradeço por ter interagido comigo e te peço perdão se minhas considerações ofendeu a voce e a sua religião. O mais importante é o amor e o respeito mutuo. Ademais se não amarmos nossos irmãos seremos condenados por Deus e nossa luta seria inglória. Na verdade Jesus ordenou-nos amar até os nossos inimigos. Deixo para meditação de todos 1 Jo 4:20 "Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?". Então desejo que os argumentos aqui postados por todos não se transforme em inimizade. Fica na Paz de Deus.

      Excluir
  69. Paulo Cadi 27 de maio de 2016 21:09
    As Testemunhas de Jeová afirmam que Jeová criou o logos (a Palavra de Deus de João 1:1). Eles tem de provar esta mentira.

    NÓS TEMOS QUE LIDAR COM A CAUSA e não com os efeitos. A CAUSA ESTÁ LÁ EM JOÃO 1:1...."No princípio era o logos (palavra) e o logos (palavra) estava com Deus, e o logos (palavra) era Deus." Este é o princípio Ontológico, ou seja, quando somente havia Deus. No verso 2 diz... "Ele (o logos) estava no princípio (princípio Ontológico, eternidade) com Deus... No verso 3 diz..." Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e "sem ele" (o logos) nada do que foi feito existiria"....Aí neste verso 3 já podemos situar Gênesis 1:1, que não é o princípio Ontológico de João 1:1, mas o princípio da criação material. Aqui em João 1:3 diz que "sem a Palavra (logos) nada poderia existir, não porque Deus optou por usar a Palavra como agente, mas porque a Palavra faz parte de Deus, de sua essência, senão Deus não teria como se expressar PORQUE O LOGOS FAZ PARTE DO SER DE DEUS.

    Em João 1:14 o Apóstolo nos informa que a Palavra de Deus não é meramente uma expressão vocal (como querem os grupos unitarianos) mas sim, uma pessoa no sentido de inteligência.


    Se o José Roberto não sabe responder a pergunta que irei lhe fazer, TODA A SUA ARGUMENTAÇÃO CAI POR TERRA simplesmente porque ele não consegue nos demonstrar como Deus pode ter criado sua própria Palavra, que João claramente identifica como sendo Jesus, antes de sua encarnação➡referência Fp.2:6-8.

    O Senhor Jesus é identificado como sendo o logos antes de sua encarnação.

    O José Roberto tem de primeiro provar como o logos foi criado, antes de começar a tecer suas argumentações. Senão ele vai ficar "devendo" lá para João 1:1 onde se encontra A CAUSA DO ASSUNTO.

    Então, José Roberto, responda... Como Deus pode criar sua própria Palavra (o logos)?

    Este assunto de Arcanjo ou não Arcanjo não quer dizer NADA... Poderia ser uma teofania e pronto!

    ESTOU ESPERANDO A RESPOSTA: COMO DEUS PODE TER CRIADO SUA PRÓPRIA PALAVRA DE JOÃO 1:1?

    EU JÁ FIZ ESTA PERGUNTA MILHARES DE VEZES E AINDA ESTOU ESPERANDO A SUA RESPOSTA... SE VOCÊ NÃO RESOLVER ESTE ASSUNTO, COMO UM BOM TESTEMUNHA DE JEOVÁ, SEUS ARGUMENTOS DE NADA VALERÃO PORQUE VOCÊ ESTÁ EVITANDO A CAUSA DO PROBLEMA QUE ENCONTRA-SE EM JOÃO 1:1.


    Vai ficar de conversa fiada ou vai responder?

    RESPONDA: COMO DEUS CRIOU A SUA PRÓPRIA PALAVRA?

    ResponderExcluir
  70. Para reflexão... 1 Jo 4:20 "Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?". O Senhor Jesus disse que a lei inteira é sumariada em dois grandes mandamentos, que exigem amor a Deus e ao próximo (ver Mat. 22:36-40). A lei e os profetas dependem desses dois mandamentos. O amor, pois, e o sumário de toda a retidão. O amor regula toda a nossa vida em relação ao próximo. Amando ao próximo, a um irmão, e nossos inimigos amamos a Deus, e assim cumpriremos as exigências da lei (ver Mat. 25:35...). Aquele que odeia a seu irmão acha-se em «trevas», isto é, pertence à -maldade cósmica-, sendo participante da rebelião geral ou universal. Encontra-se espiritualmente «cego» (ver I João 2:11). Caim odiou a seu irmão, Abel, e terminou por mata-lo. Ele mostrou-nos o que é o ódio, e para onde o mesmo nos conduz. Por outro lado, o indivíduo que «passou da morte para a vida» ama a seus irmãos. Quem não ama permanecem na «morte espiritual», porquanto ainda não nasceu de Deus em qualquer sentido. (Ver I João 3:14). Sabemos quando temos começado a participar do amor divino, quando começamos a amar aos irmãos. Ninguém pode realizar a dificílima tarefa de amar ao Deus invisível se não realizar a tarefa mais fácil de amar aos irmãos, a quem pode ver e com quem se associa. Graça e paz sejam convosco, da parte de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo.

    ResponderExcluir
  71. Sr. João Maria, o que o Senhor acha dos textos de Hebreus 2;16 e Daniel 10 ; 13 ? "

    ResponderExcluir
  72. Bom dia Sr José Roberto. Sobre os textos bíblicos de Hebreus e Daniel. Daniel 10:13. "Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia". O anjo que estava transmitindo a mensagem resolveu ensinar Daniel o que ele precisava saber, para que ele pudesse transmitir essa mensagem a outros homens. Mas um grande poder havia detido o anjo, a saber, o príncipe espiritual da Pérsia. Se o anjo em questão é Gabriel, então temos um arcanjo ajudando a outro, porquanto Miguel chegara
    para auxiliar, libertando Gabriel para chegar a Daniel. A doutrina dos anjos guardiães
    de indivíduos se amplia para anjos guardiães e orientadores de nações e reinos. Apesar de não ser dito que o poder que se opusera a Gabriel e a Miguel era mau, podemos supor isso, visto ter ele se oposto aos anjos e resistido ao plano divino que operava por meio de Daniel. Notemos, igualmente, que meros homens podem ser envolvidos no drama e na luta celestial. Este texto soa como se fosse Efé, 6.12: Porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e, sim, contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais nas regiões celestes. O vs. 21 e Dan. 12.1 indicam que Miguel era o anjo patrono de Israel. Em Enoque 9.1 e 71.9, Miguel aparece como um dos sete arcanjos. Em Jud. 9, ele é o anjo que contende com Satanás, e em Apo. 12.7 ele guia as forças boas contra o dragão. A lição prática do texto é que as orações de um homem podem não ser respondidas por algum tempo porquanto há forças de oposição que impedem a resposta. Portanto, somente orações intensas e prevalentes podem vencer em casos difíceis. Que o leitor não desista porque suas orações não estão sendo respondidas. A vitória está ali para aqueles que buscam resposta com diligência.

    ResponderExcluir
  73. Hebreu 2:16: “Pois, na verdade, não presta auxílio aos anjos, mas sim à descendência de Abraão”. A ideia é a de “interessar-se pelos homens”, e não “pelos anjos”, ou então “apegar-se a fim de livrar do perigo”. Já se demonstrou amplamente que o texto indica que Cristo assumiu a natureza humana, e não a dos anjos; e este versículo acrescenta que esse interesse envolveu os homens, que precisavam ser remidos, e não envolveu os anjos, que não precisam de tal redenção. Os anjos não precisam da salvação que Cristo trouxe aos homens, razão pela qual não são o objeto do interesse exibido na encarnação. A encarnação foi necessária para que Cristo pudesse mostrar seu interesse pelos homens; portanto, isso não degradou, e, sim, exaltou a sua pessoa. “a descendência de Abraão”. A menção de Abraão, neste caso, não subentende que somente os judeus podem ser remidos. Mas, escrevendo aos hebreus, o autor sagrado relembra que qualquer redenção que possa haver vem devido a graça conferida pelo Cristo encarnado. O uso do nome de Abraão, entretanto, talvez seja mais geral, indicando todos aqueles que são seus descendentes espirituais. Todos eles, judeus ou gentios, possuem todos os benefícios espirituais que podem adquirir por intermédio de Cristo. Isso não indica que existam alguns homens que não podem ser remidos, mas apenas que qualquer pessoa que agora seja sujeito ao favor divino (por serem filhos de Abraão), recebem tal benção por causa do interesse que o Filho tem por eles. Os verdadeiros filhos de Abraão são aqueles que vivem espiritualmente em Cristo, a despeito da origem física e racial (ver Rom. 4:16,17 e Gal. 3:29). A identificação espiritual dos homens (como, filhos de Abraão) é um termo aqui usado a fim de apresentar a obra sacerdotal do Senhor, pois em favor deles é que ele labutou. A família única de Deus, que consiste em cristãos de ambas as dispensações, é chamada aqui pelo nome que lhe era dado no A.T. (ver Sal. 105:6; Isa. 41:8 e comparar com Gal. 3:29). Calvino disse “ele nos preferiu aos anjos, não devido a nossa excelência, mas devido a nossa miséria”. A escolha do nome dado a família de Deus, no A.T . pode ter sido influenciada pela polêmica do autor contra o desvio de Cristo como o único Salvador, através de quem podem reverter a sua anterior observância religiosa, agora obsoleta em Cristo. Os verdadeiros filhos de Abraão são aqueles que são socorridos por Cristo. “achando as minhas delícias com os filhos dos homens” (Pro. 8:31). De que maneiras se pode entender essas declarações? 1- O plano de Deus envolve os homens, porquanto foram criados segundo a sua imagem, estando destinados a obter uma glória superior a dos anjos. (Ver Gen. 1:22 e Efe. 3:19). 2- Por essa razão Deus Pai sentiu especial deleite pelos homens, visto que a imagem de seu Filho se forma neles algo superior a natureza dos anjos. (Ver Rom. 8:29). 3- Por isso mesmo Deus amou ao mundo e deu por ele o seu Filho, algo de que os anjos não precisavam. (Ver Jo 3:16). 4- Nada é dito aqui acerca dos anjos caídos; e o nosso texto não deixa entendido se podem eles vir a ser remidos ou não. Mas o trecho de Col. 1:29 nos mostra que isso é possível. 5- A graça de Deus é suprema e soberana, e alcança a mais vil das criaturas, o homem decaído, elevando-o a mais alta posição possível nos céus, para que se poste a mão direita de Cristo, tal como Cristo se acha a mão direita do Pai. Ao homem é que será sujeitado o mundo por vir, porquanto os remidos estarão eternamente associados a Cristo, na qualidade de seus irmãos. (Ver Heb. 2:5).

    ResponderExcluir
  74. Obrigado Senhor João Maria , por suas considerações feitas com educação e respeito.

    Vejamos a argumentação proposta por aqueles que dizem que Cristo não é Miguel; Hebreus 2;16; " Diz que Jesus não auxilia em nada os anjos", Ao passo que Daniel 10;13; ' Descreve a ajuda que Miguel , o Arcanjo, prestou a um anjo.Assim segundo eles, Jesus não poderia ser Miguel o Arcanjo. "

    Hebreus 2;16; " Pois ele realmente não auxilia em nada os Anjos , mas auxilia o descendente de Abrão. "

    Daniel 10;13; "Mas o principe do dominío real da Pérsia opôs-se a mim por vinte e um dias, e eis que veio ajudar-me Miguel, um dos mais destacados príncipes ; e eu, da minha parte , permaneci ali ao lado dos Reis da pérsia. "

    O problema de tal argumentação é que ela desconsidera totalmente o que o escritor de Hebreus estava dissertando em sua carta. Por isso, para nortear a apresentação do que Paulo queria dizer em Hebreus 2;16; perguntamos; " Em que sentido Jesus não " auxilia em nada os anjos, mas auxilia o descendente de Abraão ? '

    O Capítulo 2 de Hebreus Centraliza seu foco " em uma Salvação de tal magnitude, que começou a ser anunciada por intermédio do nosso Senhor. " ( Hebreus 2;3) O Assunto era a Salvação dos fiéis . " ANJOS NÃO PRECISAM DE SALVAÇÃO> "

    Logo a frente em sua argumentação, Paulo refere-se a Jesus como " AGENTE PRINCIPAL DA SALVAÇÃO DELES". ( Versículo 10b). Quem são eles ? " NÃO OS ANJOS", mas os cristãos trazidos como filhos a glória " ( Versículo 10a), que Cristo chama de irmãos ( Versículo 11). tais cristãos com esperança celestial constituem coletivamente o " descendente de Abrãao". ( Versículo 16) Como disse Paulo em Galátas 3;29; " SE pertenceis a Cristo, sois realmente descendentes de Abrãao."

    Portanto, o tema envolvido era " A SALVAÇÃO" dos cristãos fiéis. E, no contexto da Salvação , " ANJOS NÃO SÃO MESMOS AUXILIADOS. "

    A Base desses simples exame do contexto, causa assombro aos sinceros pesquisadores da Bíblia que " PESSOAS DESINFORMADAS", " DESPREPARADAS", usem textos isolados , com total desconsideração pelo contexto, " PARA TENTAR PROVAR SUAS PRÓPRIAS CRENÇAS SEM FUNDAMENTAÇÂO. ".

    ResponderExcluir