sábado, 3 de agosto de 2013

Papa Francisco: anticristo igual aos outros!

Pensar que o anticristo precisa ter olhos vermelhos, sobrancelhas salientes, usando terno e gravata, é fantasia evangélica. 

O papa atual é um católico fiel e fervoroso, simpático, humilde (parece), mas continua o legado por participar de uma escola de anticristos. A diferença é o poder que eles não têm mais como tinham antes de serem confinados no Vaticano.

Conduz e fortalece a idolatria, de santos, de imagens, de Maria, e de si mesmo. Também assumindo papel de Vigário de Cristo, perdoando pecados, sucessor de um Pedro que seria Líder da Igreja de Cristo. Roma é a mesma!

Os Puritanos acertaram em cheio quando redigiram a Confissão de Fé de Westminster (Cap. 25), que a Igreja Presbiteriana do Brasil adota:

VI. Não há outro Cabeça da Igreja senão o Senhor Jesus Cristo; em sentido algum pode ser o Papa de Roma o cabeça dela, mas ele é aquele anticristo, aquele homem do pecado e filho da perdição que se exalta na Igreja contra Cristo e contra tudo o que se chama Deus.” Col. 1:18; Ef. 1:22; Mat. 23:8-10; I Ped. 5:2-4; II Tess. 2:3-4.



25 comentários:

  1. Valeu irmão Luciano. Mais um texto sucinto e visão correta da ideia do papado!

    Fique na paz
    ATT, Filipe Ivo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. , Filipe Ivo, gostaria que você comentasse o que me enviaram: “PARA: maristelaserva@bol.com.br < maristelaserva@bol.com.br >
      Assunto: O Puritano, órgão então oficial da Igreja Presbiteriana
      Em réplica a um ataque de um jornal batista, “O Puritano, órgão então oficial da Igreja Presbiteriana do Brasil, editado no Rio em edição de 7 de maio de 1925, afirmava”: "Se, pelo fato de não termos na Bíblia uma prova absoluta e taxativa para o batismo infantil, isto tira o valor da doutrina, diga-nos aqui à puridade o bom do Jornal [órgão batista]: em que fica o colega com a guarda do domingo e não do sábado? Pode o colega mostrar no Novo Testamento, de modo positivo, um mandamento para mostrar a guarda do domingo? DAMOS DOIS MIL CONTOS ao colega se no-la apresentar. ..."
      O jornal batista não ganhou os “DOIS MIL CONTOS”, mas não ganhou porque fez como Paulo Cadi não, que prometeu, mas não honrou a palavra e sim porque não conseguiu provar pela bíblia de modo positivo um mandamento para guardar o domingo. Observe que nessa réplica dos presbiterianos há a confissão deles de que na bíblia não existe “uma prova absoluta e taxativa para o batismo infantil” , bem como não existe uma prova na bíblia para a guarda do domingo. Ou seja, nessa réplica foram mortos dois coelhos com uma cajadada só.” VEJA AINDA, A VISÃO DOS PRESBITERIANOS QUANTO O USO DO VELHO TESTAMENTO COMO FUNDAMENTO USADO PELOS APOSTOLOS:http://centrodeestudospresbiteriano.blogspot.com.br/2013/01/o-antigo-testamento-na-historia_23.html”.

      Excluir
    2. Luciano e Filipe Ivo, gostaria que me respondessem a Luz da Palavra de Deus: O batismo bíblico é qual, o igual a igreja católica ou por mergulho?

      Excluir
    3. Maristela, sobre o Batismo

      veja:http://mcapologetico.blogspot.com.br/2011/07/o-batismo-infantil-e-imersiolatria-o.html

      Nesta postagem >eu< responderei assuntos concertes ao tema da postagem.

      Deus te abençoe

      Excluir
  2. Amém, enquanto puder servir, estamos aqui.

    ResponderExcluir
  3. Ridículo e absurdo, na visão de vcs Deus é incoerente, pois determina uma chefia para sua igreja através da sucessão de Pedro, depois a retira pois transformou-se em anti-cristo.Será que Deus não saberia o que viria no porvir dos séculos? Como sempre os verdadeiros cristãos (católicos) são perseguidos desde Cristo até agora,interceda por nós Maria Santíssima! “Afligidos de todos os lados, mas não vencidos”(2Cor 4,8-10.16)

    Jesus fundou uma igreja .?

    Segundo a bíblia , sim!

    E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a MINHA IGREJA; as portas do inferno não prevalecerão contra ela. (São Mateus 16, 18)

    Se recusa ouvi-los, dize-o à IGREJA. E se recusar ouvir também a Igreja, seja ele para ti como um pagão e um publicano. (São Mateus 18, 17)

    Então, qual vc acha que é a igreja de Cristo? (coloque V de verdadeiro ou F de falso)

    (....) Aquela que Lutero , Calvino e seus amigos inventaram (Jeremias 17, 5)

    (....)Aquela que São Pedro foi incumbido de gerenciar(São Mateus 16, 18)

    ResponderExcluir
  4. Cristian, a Verdadeira Igreja é aquela que preserva a doutrina de Cristo conforme revelada no NT. Você crê que é a ICAR? Eu não.

    A Igreja que 'Pedro gerenciou', (prefiro dizer que fez parte do Conselho que liderou), não tem semelhança com a que o Papa chefia.

    Imagine Pedro gerenciando uma congregação onde existem imagens que são 'relativamente' adoradas, cultuadas, co-mediadores, elementos sagrados, e ele mesmo sendo considerado o substituto de Cristo... essa não seria uma Igreja de Cristo.

    O papado é uma afronta ao Senhorio absoluto de Cristo sobre a Igreja.

    Nós, o povo do Cinco Solas sim, estamos unidos espiritualmente sob o comando de Cristo, regidos por uma doutrina centralizada na Suficiência de Cristo. Diferenças entre as denominações fieis protestantes ecoa a concepção multiforme de assuntos não essenciais ao eixo do cristianismo:

    Bíblia (suficiente, inerrante e infalível)
    Deus (Trino)
    Salvação (pela graça por meio da Fé em Jesus)..







    ResponderExcluir
  5. Sempre haverão hereges, não adianta dar pérolas aos porcos, Jesus já nos advertia há 2000 anos. Se contestam até Deus o que dirá de nós!
    Olha o nome da seita que eles seguem...(parece brincadeira o nome que eles criam)
    Não conseguem viver em unidade nem entre eles quanto mais voltar à fidelidade a Jesus e sua igreja verdadeira...

    ResponderExcluir
  6. A Bíblia só serve de referência para vcs quando diz algo que sustenta suas doutrinas em um versículo só. O resto vcs fingem que não existe.
    Hipócritas!

    ResponderExcluir
  7. Será que não aparece algum catolico que conhece pelo menos um pouco das escrituras para defender seu posicionamento? Os catolicos acusam os protestantes de não terem unidade! Eu pergunto: E a teologia catolica, tem UNIDADE com a palavra de Deus, já que eles (os catolicos), se ufanam de ter escolhido os livros que iriam compor o novo testamento, quando naquela época NÃO existia a igreja catolica apostolica e ROMANA. Os pais da igreja só usaram o nome catolico para designarem os cristãos. O catolicismo ROMANO é sim historicamente, uma deformação que ocorreu na doutrina, aí sim, chamada de catolica pelos pais pré nicenos que descambou no surgimento do papado, pelo século v, ou seja o poder local do bispo de Roma evoluiu para o âmbito universal!

    ResponderExcluir
  8. ... à igreja fundada e constituída em Roma, pelos dois gloriosíssimos apóstolos, Pedro e Paulo, e, indicando a sua tradição recebida dos apóstolos e a fé anunciada aos homens, que chegou até nós pelas sucessões dos bispos, refutaremos todos os que de alguma forma, quer por enfatuação ou por vanglória, quer por cegueira ou por doutrina errada, se reúnem prescindindo de qualquer legitimidade. Com efeito, deve necessariamente estar de acordo com ela, por causa da sua origem mais excelente, toda a igreja, isto é, os fiéis de todos os lugares, porque nela sempre foi conservada, de maneira especial, a tradição que deriva dos apóstolos1. [Autor: Santo Ireneu de Lyon 130 a 202 D.C - Obra de Ireneu: Livro 3, capítulo 3 de Contra Heresias:]

    “Depois do martírio de Pedro e Paulo, o primeiro a obter o episcopado na Igreja de Roma foi Lino. Paulo, ao escrever de Roma a Timóteo, cita-o na saudação final da carta [cf. 2Tm 4,21].” (Eusébio Bispo de Cesaréia – HE,III,2 – 317 d.C).

    “Pedro, de nacionalidade Galileia, o primeiro pontífice dos cristãos, tendo inicialmente fundado a Igreja de Antioquia, se dirige a Roma, onde, pregando o Evangelho, continua vinte e cinco anos Bispo da mesma cidade.” (Autor: Santo Eusébio Bispo de Cesaréia -Crônicas de Eusébio 263 – 340 D.C - Página 261 parágrafo 2)

    Levemos em consideração os bons apóstolos: Pedro, que por inveja injusta suportou não um, nem dois, mas muitos sofrimentos, e assim, depois de ter dado testemunho, encaminhou-se para o merecido lugar da glória. [...] Em torno desses homens [Pedro e Paulo], que se comportaram piamente, reuniu-se uma grande multidão de eleitos, os quais, depois de terem sofrido por inveja muitos ultrajes e tormentos, tornaram-se entre nós belíssimo exemplo”. [Clemente Romano - Ano 96 DC]

    “Pedro, ao ser martirizado em Roma, pediu e obteve fosse crucificado de cabeça para baixo”. [S. padre e historiador Orígenes 185 – 253 DC]

    Santo Ireneu (130 - 202), bispo de Lião referiu: “Para a maior e mais antiga a mais famosa Igreja, fundada pelos dois mais gloriosos Apóstolos, Pedro e Paulo." e ainda "Os bem-aventurados Apóstolos portanto, fundando e instituindo a Igreja, entregaram a Lino o cargo de administrá-la como bispo; a este sucedeu Anacleto; depois dele, em terceiro lugar a partir dos Apóstolos, Clemente recebeu o episcopado.” E acrescentou: “Mateus, achando-se entre os hebreus, escreveu o Evangelho na língua deles, enquanto Pedro e Paulo evangelizavam em Roma e aí fundavam a Igreja.”

    São Eusébio (263-340 d.C.) bispo de Cesáreia, escreveu a “História Eclesiástica” onde narra a história da Igreja das origens até 303, e diz: “Pedro, de nacionalidade galiléia, o primeiro pontífice dos cristãos, tendo inicialmente fundado a Igreja de Antioquia, se dirige a Roma, onde, pregando o Evangelho, continua vinte e cinco anos Bispo da mesma cidade.”

    Santo Epifânio (315-403 d.C.), bispo de Constância falando da sucessão dos Bispos de Roma, registrou: “A sucessão de Bispos em Roma é nesta ordem: Pedro e Paulo, Lino, Cleto, Clemente etc..”

    Doroteu (255 -362 ): “Lino foi Bispo de Roma após o seu primeiro guia, Pedro.”

    Optato de Milevo ( Século IV [4]): “Você não pode negar que sabe que na cidade de Roma a cadeira episcopal foi primeiro investida por Pedro, na qual Pedro, cabeça dos Apóstolos, a ocupou.”

    São Cipriano (martirizado em 258), bispo de Cartago (norte da África), no livro De Ecclesiae Unitate diz: “A cátedra de Roma é a cátedra de Pedro, a Igreja principal, de onde se origina a unidade sacerdotal."[28]

    Santo Agostinho (354 - 430): “A Pedro sucedeu Lino.”

    Já nos ensinava Santo Inácio no 1 Século:
    "Roma preside a Igreja na caridade." (Inácio de Antioquia - Carta aos Romanos Prólogo).

    Onde estiver o bispo, esteja o povo, assim como onde está Jesus Cristo, está a Igreja Católica. (Inácio de Antioquia -A Carta à Igreja em Esmirna ) Nascido no Ano 35, morto no coliseu em 110 D.C

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há um absurdo que jorra da reinvidicação dos romanistas que merece ser mencionado. A maioria dos autores catolico romanos contam Lino como o segundo bispo de Roma ou supremo cabeça da Igreja; O papa Lino, segundo eles, sucedeu a Pedro após seu martírio. Agora, não é negado por ninguém que o apóstolo João viveu cerca de trinta anos após a morte de Pedro. Se então Pedro foi o supremo cabeça da Igreja e Lino seu sucessor na supremacia, então naturalmente o inspirado apóstolo João deve ter sido INFERIOR a Lino em posição e dignidade e sujeito a ele precisamente da mesma maneira que os bispos catolicos são agora sujeitos à seu papa! Agora, quando é lembrado que Lino, de quem nós não sabemos quase NADA além de seu nome, não foi um dos apóstolos, fica então demonstrado que está suposição está diretamente em desacordo com a inspirada declaração de Paulo: " Deus tem posto na Igreja, primeiramente, Apóstolos, depois Profetas, Mestres"... 1 cor. 12:28. Nós não devemos supor, no entanto, que há uma uniformidade entre os escritores, ou certeza quanto aos tres ou quatro primeiros sucessores de Pedro. Diz Walch, autor de um compêndio sobre a história dos papas: " Se nós pudermos julgar pela igreja de Roma, pela constituição de outras igrejas apostólicas, ela não poderia ter tido um bispo particular antes do fim do primeiro século. As listas antigas, são tão contraditórias que seria impossível determinar a sucessão dos bispos ou sua cronologia. Alguns dizem que Clemens de Roma teria sido ordenado pelo apóstolo Pedro e foi seu imediato sucessor. Outros colocam Lino e Cletus entre eles. Um terceiro grupo, coloca Lino, mas invés de Cletus coloca Anacletus, Anencletus, Dacletius. Por fim, um quarto grupo dispõe a sucessão assim: Pedro, Lino, Cletus, Clemente Anacletus". Walch´s Lives of the Popes.

      Excluir
    2. Entre os primeiros Pais, Tertuliano, Rufino e Epifânio, dizem que Clemente sucedeu Pedro. Jerônimo declara que a maioria dos autores latinos supõem que por ordem, Clemente sucedeu Pedro. Mas Irineu, Eusébio e Agostinho contradizem as autoridades acima e dizem que Lino sucedeu Pedro. Crisóstomo parece seguir pelo mesmo caminho. CONFUSÂO ESTABELECIDA! Nós não devemos desconsiderar a comissão que Cristo deu a Pedro. Pedro foi ministro aos ISRAELENSES e não aos GENTIOS! "Pois aquele que operou em Pedro para o apostolado da circuncisão, este também operou em mim com eficácia para com os gentios". Gl. 2:8. " Antes pelo contrário, quando viram que o evangelho da circuncisão me estava confiado, como a Pedro o da circuncisão. " E quando Tiago, cefas ( Pedro), e João que pareciam ser os pilares, perceberam a graça (dom, oficío), que foi dada a mim, eles deram a mim e a Barnabé a destra do companherismo; para que nós fôssemos aos pagãos". Gl. 2:9. Pedro em NENHUMA parte é chamado apóstolo dos GENTIOS, o que o impede de ir a Roma para tornar-se o cabeça da comunidade gentia! Paulo menciona seu oficío especial como apóstolo aos gentios em 2 Timóteo 1:11 " Para o que fui constituído Pregador e Apóstolo e Doutor dos gentios". É nos dito pelo próprio Paulo que ele, não Pedro, iria oficialmente fundar a igreja de Roma. " Porque desejo ver-vos para vos comunicar algum dom espiritual, afim de que sejais estabelecidos (estabelecido, do grego sterizo: Tornar estável, fixar etc.). A igreja de Roma não tinha sido estabelecida oficialmente lá pelo ano 55 A.D. No entanto, os catolicos gostariam que isto tivesse sido feito, uns dez anos antes no governo de Claudius. por aí voce vê que é impossível para Pedro ter estado associado a igreja de Roma em qualquer circunstância! Estas listas papais foram MONTADAS para forçar algo que NÃO EXISTE nas escrituras que é a sucessão papal. Teria que estar em efésios 4:11 em diante, onde diz que o Senhor estabeleceu Apóstolos, Profetas, Evangelistas, Pastores e Mestres, até que nós alcançemos a unidade com Cristo. não se trata aqui de unidade denominacional de espécie alguma. Nada de papas arcebispos, conegos, patriarcados etc. Na palavra Não há sucessão Apostólica. Os apóstolos são insubstituíveis . Cada um ocupa o SEU lugar no corpo de Cristo! 1 cor 12. continua

      Excluir
    3. Peço aos defensores da doutrina catolico ROMANA, já que para mim a sede está na Jerusalém Celestial a única cidade ETERNA e o ÚNICO CABEÇA é o SENHOR JESUS, que usem a BIBLÍA! Não é provado que Pedro esteve alguma vez em Roma. É tradição! Não é provado que são os ossos de Pedro que estão enterrados na basilica de são Pedro. É tradição! Há uma famosa descoberta dos ossos do apóstolo Pedro e de outros cristãos do primeiro século, em Jerusalém, em 1958. É só buscar na internet.

      Quem conhece bem as duas versões, a de que Roma e de Jerusalém afirma que há uma centena de vezes mais evidência de que Pedro esteja enterrado em Jerusalém do que em Roma. Não pode ser biblícamente PROVADO que Pedro esteve em Roma. Isto é uma tradição que foi recolhida pelos pais da igreja, que escreveram coisa boas e verdadeiras mas não são fontes TOTALMENTE confiáveis, não por causa de desonestidade mas porque foram personagens de seu tempo! Quando estudadas com mais profundidade, as fontes que relatam a vinda e martírio de Pedro a Roma se CONTRADIZEM porque são tradição recolhida desde o fim do primeiro século, não tendo base nas escrituras! Coisa dificíl para um catolico romano entender!

      Excluir
    4. Paulo Cadi, como você pode falar em absurdo se você não cumpriu o que prometeu, veja a prova que foi postada:

      maristelaservadoSenhor4 de agosto de 2013 21:57
      . Quem acusou Jesus de violar o Sábado foram os inimigos da verdade da época, e os de hoje. Ser curado no Sábado e carregar esteira, maca ou cama da época de um pobre só era considerado pecado pelos fariseus e/ou judeus e não por Deus ou Sua Palavra, para eles(fariseus e/ou judeus) cuspir no chão no Sábado violava a Lei, mas não para Deus ou Sua Palavra Jesus, foi por isso que Jesus cuspiu no chão, dez lodo e aplicou no olho do cego(João 9:8,14). Jesus veio para entre outras coisas ensinar a verdadeira observância do Sábado, foi por isso que afirmei que : ... na verdade esses inimigos da verdade não tem como sustentar seus argumentos na Palavra de Deus querem(nos acusam por não guardarmos conforme os judeus da época -Zac. 3:) que nós guardemos o Sábado da mesma forma que os judeus ensinavam no tempo de Jesus aqui na terra, ignorando que o Sábado de Êxodo 20 é anterior ao Êxodo, é anterior ao pecado de Adão(Gen. 2:2,3), quando não existia nenhum judeu ou israelita. Observe mais uma vez o espírito que está por trás dele “Agora eu lhe provo que ele violou o sabado. João 5:18”. Bom ele disse que te daria mil reais! Se você mostra-se o texto que diz que Jesus guardou o Sábado, então apesar de a Palavra de Deus deixar bem claro que Jesus não violou a Lei, não cometeu pecado, nem houve dolo algum na Sua boca(”(Isaías 53:9-II Pedro 2:22), o que para os que crêem em Cristo(João 7:38,39) como diz as Escrituras DEVE SER O BASTANTE. Jesus declarou que guardava os Mandamentos do Pai(João 15:10) Jesus garantiu que veio cumprir a Lei(Mat. 5:17) e condenou os que a violarem, o que também DEVE SER O BASTANTE. E, mesmo para os que hoje não aceitam a validade do Sábado como dia de guarda, repouso ou dia do Senhor, o Sábado era um Mandamento de Deus. Portanto essa de claração de Jesus já prova que Jesus guardou o Sábado. Contudo, observe o texto que fala que Jesus tinha costume de guardar o Sábado: “Indo para Nazaré, onde fora criado, entrou, num sábado, na sinagoga, segundo o seu costume, e levantou-se para ler”. (Lucas 4:16 ). Como se vê, está provado pela Palavra de Deus que Jesus guardava o Sábado. Mande o nº da sua conta para o Paulo Cadi para ele depositar o R$1.000,00, afinal de conta ele se diz fiel a Jesus e ao Novo Testamento: “Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum”, (1 Tessalonicenses 4:1-8)”.

      PAULO CADI, FAVOR DEPOSITAR OS MIL REAIS NA AGENCIA DA CEF N.1334 C/C 023 00011215-0 EM NOME DE MARISTELA D. S. SILVA. OU VOCE NÃO TEM PALAVRA?

      Excluir
  9. Imagens e símbolos religiosos - Pe. Fábio de Melo - Programa Direção Espiritual 1/12/2010 http://www.youtube.com/watch?v=yRvb-RabqaQ

    20 - A Resposta Católica: Culto aos santos e suas imagens http://www.youtube.com/watch?v=5Ph9gsPsLV4

    18 - A Resposta Católica: Intercessão dos Santos http://www.youtube.com/watch?v=oYFr9q8616Y

    resposta católica adoração de imagens e santos http://www.youtube.com/watch?v=m9cMYCTNJp4

    A Resposta Católica: "Qual é a Diferença da Bíblia Católica para a Bíblia Protestante?" http://www.youtube.com/watch?v=GfXN1i72IAc

    02 - Gravação da aula ao vivo: Protestantismo (13/09/2011) http://www.youtube.com/watch?v=VbhYT-jRYK0

    ResponderExcluir
  10. http://www.veritatis.com.br/apologetica/testemunhos

    ResponderExcluir
  11. Depois de ler os comentários acima, parece-me que pedir a um católico usar a Bíblia é esperar demais...

    Esse é o resultado do 'papado'... 'obvio', se eles tem o PAPA para que a Bíblia, não é mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciano, a grande massa catolica, mesmo professores de catequese e inclusive sacerdotes catolicos romanos pouquissímo conhecem a Biblía! Mesmo após o Concilío Vaticano ii em que houve uma suposta abertura da igreja Catolica Romana para o estudo da Biblía, o nível de interesse no estudo das escrituras é baixisssímo e nem é mesmo encorajado! Tem de se ter o catecismo ao lado! De vez em quando aparecem canastrões, metidos a conhecedores da Biblía como aquele padre Paulo que aparece na Cancão Nova e Rede Vida, que gosta de ofender os protestantes e diz um monte de bobagens. Gostaria de te-lo na minha frente, afim de demonstrar o seu FALSO conhecimento, porque o que aquele sujeito faz com as Escrituras não está no mapa, e o público ignorante que não sabe nem o a-b-c das Escrituras ainda bate palma! Mas meu irmão, vamos continuar a " combater pela FÉ que de UMA VEZ POR TODAS FOI DADA AOS SANTOS ". Porque é MUITO perigoso quando as seitas começam a TOMAR CONTA DA MIDÍA, e é exatamente isto que está acontecendo hoje!

      Excluir
  12. A título de estatística:
    Até aqui, nenhuma ocorrência da palavra Amor.

    ResponderExcluir
  13. Nobres irmãos cristãos somos tds adoradores de um único Deus,pq o ódio,pq essa raiva.
    A igreja evangélica saiu da igreja católica portanto a base dos protestantes saiu da igreja católica.
    Santos segundo a igreja católica ñ são deuses mas são exemplos de seres humanos que pecaram sim,mas que viveram de forma intensa e fervorosa a fé em Cristo.Os santos são aqueles que realmente praticaram o que Cristo nos pediu.
    Não briguemos pq tds vão ser salvos sejamos Budistas,judeus,cristãos,mulcumanos e entre outra religiões

    ResponderExcluir
  14. Ñ condenemos ninguém e nem juguemos quem está certlo ou errado pq quem dira isso é Jesus.

    ResponderExcluir
  15. Um porta-voz do Vaticano anunciou oficialmente que Jesus não vai voltar agora, pois tinha bebido vinho no momento que fez esta promessa registrada em João 14: 1-3. veja link abaixo.

    http://waterfordwhispersnews.com/2014/04/18/jesus-not-coming-back-by-the-looks-of-it-admits-vatican/

    ResponderExcluir